curso de vendas
como trabalhar com marketing digital

Como trabalhar com marketing digital?

Blog   ·  Criado em 29/11/2019   ·   Atualizado em 15/07/2021   · ​ 75 minutos

como trabalhar com marketing digital

Como trabalhar com marketing digital é a pergunta que vale um milhão de dólares! Isso porque a necessidade de especialistas na área nunca foi tão grande quanto agora. Essa pode ser uma grande oportunidade de gerar renda para você.

O uso da internet aumentou muito nos últimos anos e essa mudança afetou a maneira como as pessoas compram e interagem com as empresas. Por conta disso, mais e mais empresas precisaram – e ainda precisam – recorrer aos meios digitais para gerar mais vendas.

Mas a mudança não foi apenas no comportamento do consumidor. O marketing no digital também transformou a maneira como a comunicação é feita e recebida pelos públicos-alvo. Isso fez com que a necessidade de especialistas em marketing digital crescesse.

Assim, do mesmo modo que estar na internet é indispensável para quem deseja se solidificar no mercado ou que queira ganhar mais espaço em seu setor, se adaptar a esse novo marketing é essencial para os profissionais da área.

Ser o profissional que está pronto para oferecer as soluções que as empresas precisam é um tiro certo para o sucesso! Então, você quer uma carreira em um setor de alto crescimento e que tem uma grande importância para esta era digital, mas ainda não sabe como aproveitar essa oportunidade?

Se a sua resposta é sim, então, com certeza este conteúdo foi feito para você. Nele você vai conhecer as diferentes oportunidades de atuação no marketing digital. Também vai conferir um passo a passo detalhado de como trabalhar com marketing digital.

opções para trabalhar com marketing digital

Além de descobrir quais são as áreas mais promissoras e saber como começar a trabalhar com marketing digital. Veja o que você encontra neste artigo:

Vamos lá?

Antes de continuar, que tal entender a importância do mercado digital e saber se ele realmente vale a pena? Então, confira este vídeo:

Quais áreas do marketing digital você pode trabalhar?

trabalhar com marketing digital

Que o Marketing Digital é a sacada do século, você com certeza já sabe e já percebeu isso. Mas, quais são as principais áreas para se trabalhar com o marketing digital, ainda mais em um campo em constante mudança e que é relativamente novo para muitos?

Diferente do que muitas pessoas supõem, o Marketing Digital está presente nas mais diferentes áreas de comunicação e marketing aplicados aos meios, canais digitais, softwares e pode ser explorado a partir de inúmeros mecanismos.

Isso faz com que ele se torne um campo que atende a diversas demandas. Se você oferece esse leque de opções para os empreendedores e empresários, com certeza terá um negócio rentável, sólido e, principalmente, com um grande potencial de expansão!

Porém, como há um grande contingente de profissionais de marketing digital, a especialização em algumas dessas áreas tem sido o diferencial para quem deseja se destacar. Então, a nossa dica é: ofereça um pacote completo de serviços em marketing digital, mas se torne um especialista em alguma área.

Mas, afinal, quais são essas áreas? A seguir, listamos as melhores oportunidades para você considerar como carreira dentro do marketing digital. Nesse momento você vai poder entender o que cada uma dessas áreas é, o que representa e quais são as suas principais características.

Também conferir alguns dados que reforçam a importância de se trabalhar com marketing digital, que reforçam evidenciam a importância desse setor para as empresas, clientes e profissionais da área. Confira:

Venda de Software CRM

Se você é um excelente vendedor, então que tal trabalhar com marketing digital comercializando softwares de CRM que ajudam a organizar e potencializar as vendas no marketing digital? O legal disso é que você sozinho consegue começar a tocar o negócio, com isso os custos de operação se tornam pequenos.

Mas o que é o CRM? É um sistema que engloba todo o processo que permite gerenciar e analisar as interações com clientes, antecipar tendências, otimizar a rentabilidade, aumentar as vendas e a satisfação dos consumidores, e é uma excelente ferramenta utilizada com o marketing digital.

Para ficar ainda mais fácil veja um exemplo de um Software CRM:

O software conta com a vantagem de ser 100% online. Dessa forma, o acesso se dá pelo navegador, e funciona também acessando de um celular e, até mesmo, com a internet móvel.

Assim, você acessa os dados da sua empresa de qualquer lugar! Esse software CRM ajuda as empresas a vender com mais organização e performance, eliminando as planilhas e papéis e oferecendo resultados e informações precisas. Além disso, ele está integrado com disparos de e-mail marketing e fluxo de nutrição.

Aprenda sobre todos os tipos de CRM.

Comercialização de Portais

Uma das grandes promessas para os próximos 10 anos, segundo nosso ministro da economia, será a área de imóveis, então que tal aproveitar essa oportunidade para trabalhar com a criação de portais imobiliários e ainda oferecer serviços de  marketing digital para imobiliárias com a venda do portal de imóvel.

Mas, o que são portais imobiliários? São sites que permitem às pessoas divulgarem e pesquisarem imóveis. Essa é uma ótima opção para quem vende ou procura um imóvel de uma forma prática e rápida. E, para você também, já que muitas pessoas usam a internet para buscar informações.

Você ainda pode aproveitar esse espaço para ganhar dinheiro com anúncios, através do Google AdSense. Imagine que "esteira de produtos" para o marketing digital para imobiliárias você poderia trabalhar:

  1. venda do portal de imóveis;
  2. venda de um software CRM para organização dos leads recebidos pelo portal;
  3. Mídia paga: Google Ads e Facebook Ads para trazer leads para o portal (falaremos com mais detalhes adiante).

Você poderia atender todo um ciclo e trabalhar com marketing de uma forma muito eficiente. Pense nisso! Se você quiser mais dicas de como trabalhar com marketing pode falar conosco diretamente por WhatsApp.

Produção de conteúdo para blogs e portais

O número de blogs e portais que são criados diariamente no mundo todo é extremamente alto. A cada instante novos endereços virtuais ganham vida e estes falam sobre os mais distintos assuntos e também produtos/serviços, é claro.

Mas afinal, por que as empresas e empreendedores estão investindo cada vez mais em blogs e portais? Porque os consumidores fazem buscas online por informações sobre produtos/ serviços antes de comprarem e tendem a comprar daqueles que fornecem informações confiáveis e relevantes.

Ou seja, um blog ou portal ajuda a converter os visitantes em clientes. Porém, não basta ter uma página na web e sair postando qualquer coisa sobre um determinado assunto. Antes de mais nada, é preciso planejar estrategicamente o conteúdo para alcançar os resultados esperados.

Basta navegar pela internet que você verá isso. Sempre existe uma página falando exatamente daquilo que o internauta precisa ou pesquisa. Isso porque os blogs e portais são especializados em nichos para falar com o público certo em cada uma de suas publicações.

Da mesma forma que um conteúdo tem que ter um planejamento para atingir um objetivo, ele também precisa atender aos critérios de ranqueamento e indexação do Google. Pois ele é o mecanismo de pesquisa mais utilizado pelos internautas no mundo.

Em outras palavras, para que os blogs e portais ganhem visibilidade nesse mecanismo de pesquisa, o profissional de marketing que produz conteúdo precisa conhecer os algoritmos que determinam quais páginas vão aparecer nas primeiras posições e saber como aplicá-los.

Então, se você gosta de escrever textos e ainda domina os segredos do Google, essa é mais uma forma de trabalhar com marketing digital. E aí, gostou dessa dica?

Criação de sites

Conforme o mundo mudou, as compras online tornaram-se essenciais na vida dos consumidores. Para que as empresas ingressem nesse espaço para ser notado não há nada melhor do que criar um bom site para oferecer seus produtos ou serviços – aprenda como criar um site.

Isso faz com que o serviço de criação de sites seja uma área promissora dentro do marketing digital. Você ainda tem dúvidas sobre isso? Atualmente, o primeiro contato dos clientes com as empresas é justamente dentro do ambiente virtual.

Seja quando pesquisam por um produto ou serviço ou para avaliar uma indicação, a página virtual é fundamental neste processo de conhecimento e tem o importante papel de causar uma “primeira impressão” encantadora.

E, mesmo que um negócio seja “mais local, mais centralizado ou direcionado a uma região específica”, não ter um endereço virtual é criar oportunidades para a concorrência abocanhar uma fatia maior do mercado. Assim, as empresas físicas que ainda não possuem sites próprios estão perdendo uma incrível parcela de mercado.

E é justamente seu dever mostrar a importância dessa criação para o seu potencial cliente. Você deve mostrar que a partir do investimento em marketing digital é possível que mais pessoas conheçam e venham a se interessar pelo empreendimento do cliente.

Dessa forma, convencê-lo a criar corretamente um bom site, mostrando que você está apto para ajudá-lo com isso. Atenção! Ao criar sites lembre-se de que todo o layout desenvolvido deve ser pensado para atrair os visitantes de modo que estes fiquem convencidos a estreitar a relação com a empresa cliente e sair do “apenas virtual”.

Além disso, você precisará indicar uma ótima opção para hospedar o site do seu cliente, e criar e-mails profissionais para ele. Se você souber criar sites focados na experiência do usuário, certamente se tornará um profissional diferenciado no mercado.

Imagine que quanto mais clientes em sua base, mais sua receita mensal cresce. Um ponto diferencial das Franquias de Marketing Digital High Sales é a ferramenta de criar sites, blogs e lojas virtuais feita sob medida para trazer um diferencial competitivo para seus futuros clientes.

Gerenciamento de mídias sociais 

como trabalhar com marketing

Se você gosta das redes sociais, então fazer o gerenciamento de mídias sociais pode ser uma excelente oportunidade para você começar a trabalhar com marketing digital. E os números provam que isso realmente vale a pena.

O relatório da Digital in 2019, do site We Are Social, mostra que os brasileiros navegam cerca de 3h34 diariamente nas redes sociais, tornando-as canais importantes para o marketing digital das empresas. As redes sociais mais utilizadas são:

Facebook

É a rede social mais utilizada pela população mundial. São mais de 2,3 bilhão de usuários em todo o mundo nesses 15 anos de existência!

YouTube

Tem mais de 1 bilhão de usuários ativos e horas de vídeos visualizadas diariamente;

WhatsApp

Os brasileiros são os mais ativos nessa rede social e praticamente todas as pessoas que têm um smartphone tem o app instalado nele;

Instagram

71% dos brasileiros, segundo o relatório Digital in 2019, navegam diariamente nesta rede social e não é por acaso.

E, é claro que cada um desses usuários corresponde a potenciais clientes para qualquer empresa e empreendedor. Infelizmente, nem todas as pessoas sabem usar as ferramentas que estão por trás da rede, deixando de lado uma incrível oportunidade que você, apenas você, poderá oferecer como parte do seu serviço.

Será que muitos empresários e empreendedores se interessarão? É evidente que sim! Afinal, a maior parte não tem sequer tempo para aprender sobre como gerenciar as redes sociais de maneira eficiente. Além disso, você poderá compartilhar os serviços do blog com o Facebook e gerar mais uma renda mensal, pense nisso!

Produção de conteúdo para Mídias Sociais 

trabalhar com marketing

Não tem como falar nas principais áreas de Marketing Digital sem citar ainda a geração de conteúdo para as mídias sociais. Por isso, mais uma dica de como trabalhar com marketing digital é trabalhando com o Marketing de Conteúdo.

Essa área é especializada em atrair e, principalmente, reter leitores, potenciais leads, através de textos, imagens e vídeos. Pois gerar conteúdos interessantes, pertinentes e, principalmente, de qualidade consiste em uma das bases para quem deseja manter um bom tráfego dentro de seu endereço eletrônico.

Saber o que interessa ao seu público é apenas o pontapé inicial para gerar todo este engajamento. Criar uma boa pauta de publicações, imagens, e quem sabe até vídeos, respeitando a regularidade com que estes devem ser postados, também é fator de importância.

Mas, quem determina tudo isso? Você, profissional de Marketing Digital. Sua responsabilidade vai desde o planejamento estratégico, passando pela produção do conteúdo até a análise dos resultados. É importante ainda que os conteúdos sejam bem escritos, gramaticalmente corretos, com fluidez e palavras simples.

Também não podem ser cópias, mas peças completamente originais. Os conteúdos devem ainda colaborar com a situação do leitor, ou seja, apresentar soluções, conceitos ou alternativas conforme o caso, sendo tudo responsabilidade do profissional de Marketing Digital.

Para diferenciar-se da concorrência, procure se especializar em técnicas de SEO. Certamente, com isso, não faltarão clientes na sua cartela. Então, o que você acha dessa dica sobre como trabalhar com marketing digital?

Criação de Loja Virtual

Menos custosas do que as lojas físicas, essa alternativa tem atraído muitos interessados em empreender, mas que não possuem estrutura suficiente para abrir uma porta em sua cidade. Ou para aqueles que querem simplesmente expandir seu negócio para além dos limites geográficos.

As lojas virtuais permitem que as vendas sejam feitas para qualquer pessoa, independente de em qual parte do mundo o internauta esteja. Aumentando assim o campo e o público-alvo. Atualmente, muitos empreendimentos extremamente famosos só existem pela internet.

E a boa notícia para quem quer investir no marketing digital é que todos esses negócios precisam de um apoio para dar vida a estratégia, então tornar os números reais. Ou seja, elas precisam de profissionais capacitados para trabalhar com marketing nas estratégias certas para construção de páginas de vendas.

Esse profissional pode ser você! Para ter um diferencial, especialize-se em estratégias de vendas para lojas virtuais. Já falamos antes, mas não custa reforçar que as franquias de marketing digital High Sales possuem uma plataforma própria e integrada para criar loja virtual.

Mídia paga: Google Ads e Facebook Ads

A gestão de trafego ou serviço de publicidade administrado pela empresa Google, o Google Ads é a plataforma mestre quando o assunto é mídia paga.  Torna-se impossível pensar em aplicar estratégias eficientes no marketing digital sem entender, antes disso, como funcionam as mídias pagas – saiba tudo sobre como anunciar no Google.

Isso porque são elas que geram mais tráfego rápido e qualificado para qualquer página na web. A própria empresa fez um levantamento, em  2018, para mostrar o quanto os anunciantes ganham com isso. O resultado foi que a publicidade no Google ajudou a movimentar 41 bilhões de reais em atividade econômica no Brasil.

Esses números podem ser conferidos no Relatório de Impacto Econômico do Google no Brasil. Para se ter uma ideia da importância disso, o Brasil é o maior mercado de anúncios em mídias digitais na América Latina.

Segundo dados do relatório da consultoria eMarketer, publicados no portal UOL, dos investimentos em anúncios em mídias digitais na América Latina, 53% foram feitos na nossa região. Mas nem todas as empresas contam com um profissional preparado para trabalhar com marketing de publicidade paga.

Isso faz com que essa seja uma das áreas mais promissoras no marketing digital.

E o que o gestor de tráfego pago precisa aprender?

Precisa aprender a planejar campanhas de Custo Por Clique (CPC) e Custo Por Aquisição (CPA), como funciona o Google Ads, o Facebook Ads e publicidade em outras redes sociais. Também a mensurar os resultados de acordo com os objetivos da empresa cliente para atrai verdadeiros e bons resultados.

Para isso, a aplicação das estratégias deve considerar os públicos em específico para levar clientes mais qualificados ao funil de vendas. O seu cliente com certeza verá isso como um diferencial e se interessará por esse serviço no momento em que suas vantagens e benefícios forem apresentados.

E você pode ir ainda mais além com uma consultoria Google Ads.

Antes de começar a leitura do próximo tópico, entenda mais sobre mais sobre o que é SEO nesta série de videoaulas gratuitas:

Gestão das Estratégias de SEO

trabalhar com marketing SEO

O marketing digital tem como um dos seus principais pilares o SEO (Search Engine Optimization). Essa estratégia tem como objetivo a otimização dos conteúdos para os mecanismos de busca. Como já vimos, quem cria conteúdo para mídias digitais ou anúncios pagos precisa dominar o SEO.

Mas o que isso significa? A otimização para os mecanismos de busca, como o Google e o Yahoo, permite que, a partir de pequenos ajustes e cuidados bem específicos, os internautas encontrem exatamente o seu conteúdo para responder a dúvidas que possuem no seu dia a dia.

E essa estratégia significa justamente encontrar e utilizar as palavras-chave certas empregá-las corretamente, seja para a construção de conteúdos para blog posts ou anúncios. Por exemplo, o uso de uma palavra-chave em blogs deve aparecer várias vezes pelo texto – de 0,5 a 2,5% do total de palavras do artigo.

Ainda deve estar presente no título e em alguns intertítulos da publicação, bem como no text-alt da imagem e na URL da página, entre outras otimizações. É seu dever cuidar de toda essa estruturação para que o site/conteúdo do cliente tenha êxito.

Você provavelmente já sabe o que quer dizer isso, mas será que todos os empreendedores e donos de negócios da sua região também o sabem? Você pode mostrar a eles a importância disso quando oferecer seu trabalho de especialista em SEO.

É claro que a Franquia de Marketing Digital High Sales têm uma ferramenta própria que auxilia em tudo isso, caso você também queira oferecer esse serviço e ainda ter o suporte de uma agência de marketing digital para começar o seu próprio negócio nesse universo.

Criação de roteiros e vídeos

Nos últimos anos você deve ter percebido o crescimento dos vídeos nas redes sociais, principalmente no Instagram, não é? Pois, por meio deles, é possível transmitir uma mensagem de forma mais clara, direta e atrativa. Isso, sem dúvidas, gera mais engajamento.

Os vídeos estão tornando-se tão importantes que, em 2021, o Instagram anunciou mudanças que chegarão em breve no app. O Instagram vai focar em vídeos e entretenimento. Inclusive vão aparecer vídeos no feed dos usuários de pessoas que elas não seguem.

Para melhorar a experiência do usuário, o Instagram deve preparar uma interface mais amigável para os vídeos gravados no celular e em tela cheia. Essas mudanças não param por aí. A entregabilidade dos posts normais vai diminuir para dar mais espaço para os vídeos.

Isso significa que tem um grande mercado em potencial para quem quer trabalhar como roteirista, produtor e editor de vídeos. Você pode aproveitar essa oportunidade para ganhar dinheiro na internet. Além disso, ainda é válido ressaltar a importância dos vídeos no YouTube.

Afinal, ele continua sendo a principal plataforma de vídeos do mundo. Mas preste atenção. Tem diferenças entre gravar vídeos para o Instagram, por exemplo, e para o YouTube, que consistem, basicamente, no tipo de conteúdo e no tamanho dos vídeos. Por isso, vale a pena entender mais sobre o assunto.

Criação de conteúdo para e-mail marketing

Não importa, a forma mais simples e direta, que não sai de moda, continua sendo o e-mail. Por isso, ele tem um papel importante na comunicação de muitas empresas. Mas por que o e-mail é indispensável para as empresas? Além de ser um canal de comunicação direto com o usuário, é rápido.

Também tem um baixo custo. Com ele é possível segmentar e personalizar o conteúdo para atender as necessidades específicas de cada usuário. Ele não interrompe a experiência de navegação e ainda disponibiliza métricas, que são importantes para avaliar a entregabilidade / abertura dos e-mails.

Mas para ter bons resultados é essencial saber como criar conteúdo relevante. Isso significa criar mensagens focadas em um público-alvo, agregar valor no conteúdo enviado por e-mail, oferecer sempre informações exclusivas e conduzir o leitor para tomar uma atitude ao final da mensagem.

Então, se você gosta de criar conteúdo e tem facilidade para lidar com uma ferramenta de automação de e-mail marketing pode aproveitar para ganhar dinheiro com essa forma de trabalhar com marketing também. E aí, gostou dessa dica sobre como trabalhar com marketing? Vamos para a próxima!

Criação de conteúdos para landing page

Antes de tudo, você sabe o que é landing page? São páginas da web, que em português, são conhecidas como página de aterrissagem. Por exemplo, quando uma pessoa está navegando por uma rede social e vê um anúncio e clicar nele, ele será direcionado para uma página.

Essa página será a página de aterrissagem. Pois a pessoa aterrissará nela. Essa página tem um objetivo único: a conversão, que nada mais é do que levar o usuário a tomar uma ação. Essa ação pode ser baixar um e-book, comprar um produto, entrar em contato com a empresa.

Para que isso seja possível, é importante que essa página contenha elementos que ajudem na conversão, como imagens ou vídeos de vendas, título e subtítulo, descrição da oferta, formulário, depoimentos e CTA (call to actions). Nem todo mundo sabe como fazer isso bem.

Por isso, o mercado tem procurado cada vez mais por copywriters, que são os profissionais que sabem como escrever textos persuasivos para landing pages, páginas de vendas e anúncios. Então, que tal apostar nessa dica sobre como trabalhar com marketing digital?

Automação e funis de venda

Por fim, nossa última dica sobre quais áreas do marketing digital você pode trabalhar está na automação de e-mails no funil de vendas. Bem, já vimos a importância da estratégia de e-mail marketing, certo? Mas não basta apenas enviar os e-mails.

É preciso saber exatamente o que e quando enviar a mensagem. Para isso, é importante, primeiro, entender o que é funil de vendas. Pense comigo: quem compra um café caro sem entender quais são os seus diferenciais e o seu processo de produção e torra que agregam valor para ele?

Quase ninguém, não é? Quem compra cafés caros é alguém que já se tornou conhecedor do assunto. Isso mostra que quanto mais informações uma pessoa tem sobre um produto mais disposto ela estará a comprá-lo. E o funil de vendas tem um papel importante nesse processo.

Isso porque, a partir do entendimento de como é o processo de compra do consumidor, cria conteúdos que vão estimulá-los a caminhar para o processo nível até que ele esteja pronto para uma abordagem de venda. Uma maneira de começar isso é através dos sites.

Se um visitante não está pronto para uma compra, a automação começa a alimentar esse lead por meio de e-mails. Quando estão prontos para uma compra, geralmente, ele recebe um cupom para concluí-la. A automação facilita essa captura e conversão do visitante em cliente.

Por isso, é uma estratégia que deve fazer parte do marketing de qualquer empresa que deseja alavancar as suas vendas.  E, você pode aproveitar o potencial dessa estratégia para ganhar dinheiro na internet com marketing digital.

Quais são os cargos mais comuns para trabalhar com marketing digital?

Sim, existem cargos e funções dentro do "mercado digital", mas a verdadeira beleza da área é que existem muitas funções que você pode explorar se tiver um conhecimento básico sobre marketing digital.

Grande parte dos profissionais dessa área evoluem para determinados nichos, depende muito do seu interesse e suas habilidades. Isso significa que não importa se você se identifica como um profissional experiente da área A, área B ou como um criativo no modo geral.

Você ainda pode encontrar uma área dentro do marketing digital que combina com você e, então, se especializar. Alguns cargos bastante comuns para trabalhar com marketing digital são:

  • gerente de vendas;
  • produtor de conteúdo;
  • analista de desenvolvimento de sites;
  • designer gráfico;
  • especialista em vídeos e fotografias;
  • analista editorial;
  • copywriter;
  • gerente de marketing de conteúdo;
  • especialista em SEO;
  • gerente de redes sociais;
  • gerente de anúncios;
  • gerente de marketing digital;
  • analista de e-mail marketing;
  • gerente de desenvolvimento de público.

E muito mais. Existe uma diversidade de cargos sim dentro da área, mas na maioria deles você precisa ter habilidades de marketing digital. Caso você não queira trabalhar com marketing digital sendo um profissional contratado por uma empresa ou agência nem ser um prestador de serviço, você pode abrir o seu próprio negócio.

Ou, ainda, comprar uma franquia de marketing digital para não precisar começar seu negócio do zero. Por isso, além de mostrar quais são as principais áreas e cargos de marketing digital que você pode atuar, também vamos mostrar quais são os primeiros passos para você começar a trabalhar com marketing digital.

Além de mostrar porque uma franquia de marketing digital é uma boa opção para você. Acompanhe! Quer saber mais sobre as principais áreas de atuação do marketing digital e ainda conferir outras dicas infalíveis para ter sucesso? Veja este vídeo:

Como começar a trabalhar com marketing digital: passo a passo para ter o seu próprio negócio

Trabalhar com marketing digital pode render uma boa renda se você estiver disposto a se profissionalizar. Por isso, separamos algumas dicas que podem ajudá-lo a começar a trabalhar com marketing digital. Veja só:

como começar a trabalhar com marketing digital

1. Crie uma empresa para trabalhar com marketing digital

Para começar a trabalhar com marketing digital evidentemente o primeiro passo a ser dado é ter ou criar uma empresa. Esta servirá exatamente como a base para profissionalizar seu novo negócio. Bem como conquistar mais autoridade diante dos clientes.

Hoje a criação de empresas é menos burocrática e cada empreendedor pode encontrar um modelo que lhe sirva melhor. Ou seja, um modelo de empresa que se encaixe de modo mais assertivo às suas necessidades. Por exemplo, você pode começar com o MEI e depois mudar de categoria.

Há opções de empreendimentos apenas virtuais, modelos que se utilizam do físico e do digital e assim por diante. Como criar uma empresa é uma decisão importante e que deve considerar inúmeros fatores pessoais, conhecimentos e habilidades, a nossa dica é unir o “útil ao agradável”.

Ou seja, escolhe algo de que se gosta e que tenha bom retorno. Isso é sem dúvida uma das melhores alternativas para ter sucesso empresarial. Se você não quiser abrir um negócio sozinho, opte por uma Franquia. Assim, você contará com apoio necessário para criar sua empresa.

Entenda mais sobre tudo sobre empreendedorismo

2. Monte seus processos administrativos, financeiros, de vendas e outros

O segundo passo é tão fundamental quanto o anterior, uma vez que trata da organização interna da empresa. Sem bons parâmetros e uma correta estruturação, fica realmente difícil atingir resultados. Por isso, é válido destacar a essencialidade desta parte do processo.

Então depois de criar a sua empresa você precisa saber especificar quais são os seus processos e isso tanto os de cunho administrativo, financeiro e de vendas quanto os de produção, logística entre outros. Será que tais determinações são realmente importantes?

Se você deseja ter sucesso e bons resultados, então com certeza sim! O planejamento é a base para qualquer empreendedor que deseja crescer e ver o seu negócio em um bom ritmo de expansão.  Sem essa ferramenta, que é considerada como base, dificilmente é possível encontrar resultados satisfatórios!

Ao montar e organizar cada um dos processos administrativos em pormenores você consegue estar mais preparado para inúmeras circunstâncias. O preparo permite, por exemplo, que a empresa sofra impactos menores quando ocorrem as crises financeiras no mercado.

Também possibilita que sejam estabelecidas metas mais coerentes e sempre de acordo com a capacidade do empreendimento. Não abra mão desse cuidado e se utilize de recursos e ferramentas que melhoram a forma como esses processos são montados..

Veja um exemplo de processo para prospecção de cliente utilizado pelas Franquias de Marketing Digital:

3. Estabeleça a sua marca

O próximo passo é também determinante e impacta diretamente na forma como o seu público irá encarar e conhecer o seu negócio. Estamos falando da marca e do branding, que é o gerenciamento da marca.

A marca tem a capacidade de criar uma relação mais próxima entre empresa e cliente. Ela se fixa em sua memória e leva as pessoas a se recordarem do negócio nos momentos de sua necessidade.

Por isso, ter uma marca bem estruturada e desenvolvida estrategicamente garante que seu negócio saia à frente de seus principais concorrentes. Ela permite ainda que seus produtos e serviços tenham valor agregado conforme a marca vai se solidificando no mercado.

Para tanto, ela precisa retratar a empresa, trazer um pouco do que o negócio faz e oferece, por exemplo. Precisa ser também bastante clara, concisa e por vezes simples e fácil de ser reconhecida.

Cada marca deve ser pensada e criada de modo bastante particular. Dentro do marketing digital a aplicação dessa marca ganhará uma maior visibilidade em redes sociais, blogs entre outros. Por isso é importante ser prática e fácil de ser inserida em diferentes meios também.

É por esses e outros motivos que a marca deve ser tratada com máxima importância! Franquias são excelentes opções por já terem uma marca consolidada, uma publicidade com custos divididos, e muita experiência de mercado, tudo isso tem muito valor.

Conheça mais sobre brand equity.

4. Faça um mapeamento dos seus fornecedores

Para ter sucesso no campo digital, bem como no físico, é imprescindível ainda saber quem são os seus fornecedores e as empresas das quais você dependerá para que certos processos sejam finalizados e entregues com sucesso.

Isso é importante para evitar problemas e investidos de última hora por causa de uma má escolha de fornecedores/ prestadores de serviços. Neste mapeamento de fornecedores você deve indicar quem são eles, quais são os materiais, produtos e serviços com que trabalham

Também qual a periodicidade da sua necessidade de entrar em contato com cada um deles e facilidade em ter retorno ou em quanto tempo conseguem resolver o seu problema. Por isso, vale a pena destacar as formas de contato, como telefones e e-mails.

No Marketing Digital, podem ser considerados como fornecedores os profissionais e as empresas que desenvolvem ferramentas de software, por exemplo. Outros tipos de fornecedores no campo digital são os possíveis hospedeiros de páginas, e-mail, designers, entre outros.

Isso é mais um benefício ao optar por franquias, afinal, ao investir em franquias isso já estará pronto para você!

5. Estude detalhes do mercado ao qual está inserido

Seja você iniciante no mundo dos negócios ou um “rato velho”, uma coisa pode ter certeza de que é indispensável: buscar continuamente por detalhes sobre tudo o que tem acontecido no mercado no qual você está inserido!

Quanto mais informações e detalhes precisos você tiver, maiores serão as possibilidades de acertar o seu alvo – ou seja, o seu cliente, é claro! Independente da área escolhida para se investir e criar um empreendimento, o estudo é fundamental por diversos motivos.

É ele quem capacita e garante, por exemplo, que a empresa mantenha-se sempre atenta e atualizada frente às modernizações do setor. O estudo ainda abre portas e permite que você saia na frente da concorrência ao abraçar oportunidades que ainda não são conhecidas pelos demais.

É isso que gera a vantagem competitiva frente dentro do seu setor. E, mesmo que sua empresa ou negócio já estejam bem estabelecidos, assumir uma postura dessas é claramente uma vantagem não só para você, mas para seu cliente também.

Tratando-se especificamente do marketing digital vale destacar que constantemente são lançados novos conceitos e métodos. Estar ciente do ritmo das mudanças nesta área é importantíssimo para não estagnar o negócio, mas sim promover o seu crescimento contínuo.

6. Saiba estimar investimentos e despesas

Quanto investir para ter o nome da sua empresa destacado no mercado do qual faz parte? Como é possível manter a conta sempre fechada e positiva no negócio? Se estas são algumas das suas dúvidas e questionamentos, saiba que também o são de muitos outros empreendedores.

Por isso, estimar investimentos e despesas contrapondo-os aos ganhos e retornos da empresa é outro dos passos determinantes para o sucesso do seu negócio. Fazendo parte do planejamento financeiro, você deve manter sempre tais dados destacados para acompanhá-los.

Uma planilha de custos com certeza é uma boa alternativa para iniciar esta etapa. Nela devem ser enumerados todos os investimentos e também todos os gastos e despesas da empresa como aluguéis, pagamento de domínio de site, contratação de profissionais para a empresa ou terceirizados.

Nesta mesma planilha também é importante destacar quais são os compromissos a serem pagos. Pois muitos fornecedores podem trabalhar disponibilizando prazos para pagamento e neste caso é importante elencar também quais são.

A soma total da planilha – investimentos, custos e despesas – é a base com que o negócio deverá trabalhar para não ficar no vermelho. Os ganhos devem ser superiores aos valores encontrados. No caso de franquias, o franqueado sempre poderá contar com o franqueador para ajudar.

7. Precifique corretamente os seus serviços

O próximo passo é saber como precificar os seus produtos e serviços. Afinal isso é determinante para que a conta venha a fechar com saldo positivo. Você sabe como precificar? Basicamente, o preço é composto por: Custos + Despesas Fixas e Variáveis + Lucro Desejado.

Mas não é só isso, você precisa também avaliar o mercado concorrente para que não ofereça um serviço extremamente caro, o que faria com que você perdesse clientes. Nem ofereça serviços extremamente baratos, pois isso poderia implicar em baixa qualidade, o que, por sua vez, afastaria potenciais clientes também.

Detalhe, achar que sempre cobrar barato é bom veja essa dica:

Sem contar que considerar tudo isso antes de precificar algo é verdadeiramente importante para que seja justo, tanto para quem está comprando quanto para quem está comercializando. Outro ponto que vale destacar é que a empresa deve trabalhar continuamente na criação de valor.

Lembrando que valor não é o mesmo que preço, que pode ser enumerado. O valor é algo pessoal e que varia de cliente para cliente. Portanto, um mesmo produto/serviço pode ter valor diferente para duas pessoas que possuem necessidades distintas.

Mas por que gerar valor para o seu negócio? Procurar agregar o máximo de valor à sua marca, ao seu produto e ao seu serviço permitirá uma maior margem de lucro, pois os clientes passarão a pagar por este “algo a mais”.

Alguns exemplos de como agregar valor são um excelente atendimento, um serviço personalizado e apresentação de resultados. Claro que ao investir em uma Franquia de Marketing Digital os estudos e análises já foram realizados para precificar cada serviço. Mais uma vantagem das Franquias High Sales para você!

8. Monte uma boa equipe profissional

Mais uma etapa importante para começar a trabalhar com marketing digital – independente de seu ramo ou segmento – é a escolha dos profissionais que atuarão junto ao seu negócio. Pois certamente você não quer amadores ou pessoas desqualificadas lidando com seus clientes, não é mesmo?

Seja nos empreendimentos físicos ou virtuais, a montagem da equipe profissional é determinante para o andamento do negócio. E, sejam os contratados diretamente ou terceirizados, é preciso atenção para acertar na escolha e contratação.

Para os funcionários contratados diretamente pelo seu negócio a dica é investir numa boa triagem de currículos, a partir da especificação do profissional que se procura.

Para isso, nas entrevistas e dinâmicas de grupos, esteja atento ao perfil dos candidatos frente às situações expostas. Já para as contratações externas, como de profissionais autônomos ou empresas terceirizadas, a dica é caprichar na avaliação do portfólio apresentado.

Então, se pergunte nesse momento:

  • Quais clientes já foram atendidos?
  • Quais trabalhos esses profissionais entregaram?
  • Há referências para se consultar?

Lembre-se: quanto melhor e mais profissional for a sua equipe de trabalho melhores serão também os resultados. Por isso, capriche e se dedique a fazer boas escolhas. Só cuide para não errar na quantidade. Pois uma equipe grande demais impactará diretamente em seu custo fixo.

E pequena demais impactará na qualidade e quantidade da sua produção e no atendimento ao cliente. Para não errar, conte com a franqueadora para indicar o melhor caminho para sua Franquia de Marketing Digital, afinal são anos e anos nesse mercado.

9. Invista na estrutura

invista na estrutura para trabalhar com marketing digital

Evidentemente outro passo importante na abertura de uma empresa é o investimento feito na infraestrutura do negócio. O espaço é importante e deve encantar o cliente fazendo-o se sentir bem e confortável para retornar inúmeras vezes e isso tanto para negócios físicos quanto virtuais.

Principalmente quando se monta um negócio home office. Apesar de cada empresa ter seu toque especial na hora de montar o layout, alguns pontos são importantes e comuns a todos os empreendimentos, como pensar em qual o espaço vai ser utilizado para tornar o ambiente aconchegante.

Mesmo que você tenha um escritório físico para receber seus clientes, você também precisa pensar no seu espaço virtual, ou seja, no seu site. Você também precisa investir na estrutura para expor seu portfólio e exibir os resultados alcançados junto aos seus clientes.

Se você optar por começar a trabalhar com marketing digital através de uma franquia de marketing digital, saiba que terá todo o apoio necessário tanto para montar a estrutura do seu escritório físico quanto virtual. Mais um benefício de investir em Franquias!

10. Determine quais são os melhores softwares a serem utilizados

Depois de tomar todos esses cuidados citados anteriormente, vamos avançar mais na profissionalização do seu negócio. Estamos falando da determinação e o completo mapeamento dos softwares que poderão ser utilizados para melhorar, profissionalizar e otimizar todo o negócio!

É importante destacar que existem dois grupos principais de softwares neste passo. São eles os softwares de gestão e os softwares de criação. Você sabe o que são e para que servem cada um deles?

Os softwares de gestão permitem o planejamento, acompanhamento, controle e mensuração das áreas da empresa. Esses programas são focados na otimização do empreendimento e podem ser aplicados a inúmeras áreas internas de um negócio, as principais são administrativa e financeira.

Já os softwares de criação, como o próprio nome sugere, atuam em processos que criam e expandem o negócio através de linguagens de alto nível. No mercado de marketing digital você poderá utilizar Joomla, OpenCart ou Wordpress para criar sites e blogs, por exemplo.

O problema é que não há suporte direto desses softwares, a não ser dos concorrentes. Além disso eles são bem pesados e não tem integração com os softwares de gestão e hospedagem.

Por isso, uma das melhores soluções de softwares para o seu negócio são os disponibilizados pelas franquias de marketing. Quando você investe em uma franquia High Sales, os softwares são integrados e feitos sob medida para alcançar o melhor resultado para seu empreendimento.

Outro software que você irá precisar para o tratamento de imagem é o Photoshop ou Corel Draw. Eles são muito úteis para criar peças publicitárias e artes para as redes sociais, blogs, sites e campanhas de e-mail marketing. É claro, se você oferecer esses serviços para os clientes.

Uma consultoria de marketing digital usa muito bem esses softwares.

11. Invista na automatização com softwares

Voltando um pouco ao passo anterior, é importante destacar a necessidade de ter softwares completos que lhe ajudem a organizar todo o empreendimento a partir da automatização. Pois muitos trabalhos podem ser agilizados e esforços economizados a partir da automatização de tarefas.

E o que pode ser automatizado? Muitas tarefas, tanto operacionais quanto ligadas à atividade de marketing digital em si. Veja só:

  • Contratos;
  • Conta a pagar e a receber;
  • Cobranças;
  • E-mails que nutrem a relação com o cliente;
  • Relatórios;
  • Hospedagem de sites;
  • Entre outras atividades.

O uso desses programas de modo correto possibilita que novos horizontes e oportunidades sejam encontradas e agarradas, melhorando assim todos os resultados da empresa.

É preciso dedicação e profissionalismo para explorar toda a capacidade do software. Mas se preocupar com isso não será um problema se você contar com o suporte de uma franquia, como a High Sales. Ela deixa tudo preparado para você!

12. Sempre invista em treinamentos

O último passo para ter sucesso na criação do seu empreendimento é dar espaço sempre que possível para investimentos que estejam focados em treinamento para você e sua equipe.

Afinal, um time só tem a crescer e a melhorar os seus resultados quando possui amplo acesso a conteúdos que melhoram e ampliam sua visão do negócio! Por isso, o treinamento é indispensável independente da área de atuação e do porte do negócio, seja ele pequeno, médio ou grande.

A nossa dica de ouro é: encontre treinamentos que sanem especificamente as necessidades da sua empresa e time. Ou seja, os treinamentos devem buscar de modo contínuo o aperfeiçoamento profissional de cada área do negócio.

Por exemplo, se você estiver inserindo um novo software na empresa, ofereça um treinamento sobre como este novo programa deverá ser utilizado diariamente. Outro exemplo de treinamento essencial para sua empresa é para a equipe de vendas.

Treinamentos direcionados às vendas também são importantes, visto que as empresas são criadas exatamente para fazer isso, não é? Mesmo aquelas que trabalham com prestação de serviço precisam vender sua imagem, sua segurança e qualidade para serem procuradas.

Já quem está atuando em finanças precisa aprender novos meios e fórmulas de otimizar seu setor. E o responsável pela criação de landing pages terá de buscar por novos métodos e técnicas capazes de converter mais visitantes em clientes.

Quer saber mais sobre como ganhar dinheiro com marketing digital e outras dicas para começar o seu negócio online? Assista este vídeo agora mesmo:

Por que uma franquia de marketing digital é uma boa opção para começar seu negócio digital?

Quando se fala em marketing digital automaticamente as pessoas associam alguns aspectos e características que lhe são interessantes, tais como praticidade, comodidade e conforto. Afinal, se é digital, dá para ser até mesmo de casa, não é mesmo?

É claro que sim! Hoje, existem franquias que oferecem a opção home office como grande diferencial. Você consegue trabalhar com marketing, e inclusive ter um bom ganho financeiro, de dentro de casa, sem ter que enfrentar trânsito ou ter horários predefinidos e fielmente determinados.

Sem contar que com o home office você consegue ter mais qualidade de vida, tempo livre para curtir com a família e, ao optar por boas franquias, alcança excelentes rendimentos mensais. Tudo isso ainda não é nada comparado ao que de fato uma franquia de marketing digital tem a oferecer a você!

Além de toda essa liberdade, contar com uma franquia que tem solidez e história no mercado significa pular muitas das etapas que foram anteriormente citadas e isso não por descuido, mas sim porque estas já estão prontas!

Assim, ao investir em franquias bem estruturadas você minimiza as dores de cabeça de começar um negócio sozinho do zero. Também tem acesso a planos bem elaborados e estratégicos para trabalho e pode ir direto para a parte em que o trabalho começa a render os seus primeiros lucros.

Outros diferenciais que vale a pena citar é que as franquias de marketing digital têm custo baixo, você tem total suporte por parte da franqueadora, ampla flexibilidade na rotina, muita qualidade e fluidez no ritmo de trabalho. Com certeza as franquias de marketing digital são uma boa opção para quem quer trabalhar nessa área.

Afinal, como fazer marketing digital?

Acabamos de aprender sobre como começar a trabalhar com marketing digital, certo? Mas você ainda não sabe como fazer marketing digital? Para fazer marketing digital, você precisa adotar estas estratégias de marketing digital:

como fazer marketing digital

Inbound Marketing

Também conhecido como marketing de atração, o inbound marketing tem como objetivo atrair as pessoas ao criar produtos/ serviços de acordo com as necessidades e desejos dos consumidores. Para isso, mantém um diálogo com eles, ao contrário do marketing digital, que é uma comunicação de mão única.

Então, é necessário entender a fundo o público-alvo do negócio para criar produtos/ serviços e conteúdos para criar uma comunicação que seja capaz de conectar consumidores e empresas. Por isso, não deixe de aprender mais sobre Inbound Marketing.

Marketing de Conteúdo

Outra estratégia indispensável para você que quer trabalhar com marketing digital é o marketing de conteúdo, principalmente se pretende atuar nas áreas de produção de conteúdo para blogs e portais, mídias sociais, e-mail marketing, landing page, funil de vendas e roteiro de vídeos .

Pois, com o marketing de conteúdo, é possível empregar técnicas para criar conteúdos de qualidade, levando informações relevantes que ajudem o usuário a caminhar para o próximo nível na sua jornada de compra. Então, não deixe de aprender sobre marketing de conteúdo.

Vídeo marketing

Já vimos que os vídeos tem cada vez mais ganhado espaço nas redes sociais. Por causa disso, muitas empresas tem investido no vídeo marketing. Eles não servem apenas para mostrar serviços e produtos, eles também servem para fortalecer a imagem da marca ao mostrar os bastidores.

Também passar as informações de maneira descontraída. Então, não perca mais tempo e aprenda agora mesmo sobre vídeo e marketing para saber como explorar todas as possibilidades dessa estratégia. E conquiste mais clientes para o seu negócio.

E-mail marketing

Já falamos muito sobre a importância do e-mail marketing para as estratégias de marketing das empresas, não é? Também vimos que não basta apenas enviar uma mensagem. É preciso saber o que enviar e quando enviar. Por isso, a automação é uma ferramenta que facilita esse trabalho.

E se você realmente quer se destacar nesse mercado precisa estudar a fundo sobre e-mail marketing, como criar estratégias para captar e-mails, como escrever títulos chamativos e mensagens interessantes e, se valer a pena, também aprender sobre funil de eventos e automação de e-mails.

SEO

Não adianta criar conteúdos incríveis para um blog se ninguém encontrá-lo na internet. Esse trabalho é realizado pelo criador de conteúdo para blogs e portais. Ele deve saber como utilizar as estratégias de SEO para que o conteúdo seja encontrado pelos mecanismos de pesquisa.

Essas otimizações podem ser divididas em duas principais áreas: SEO On Page (dentro da página e incluem títulos, palavras-chave, links internos, por exemplo) e SEO Off Page (fora da página e incluem links externos que apontam para a sua página e compartilhamentos dos seus conteúdos).

Veja sobre esse ótimo Curso de SEO.

Mídia paga

O melhor meio de promover um conteúdo para obter resultados rápidos é através da mídia paga, certo? Mas para ter bons retornos é preciso saber como investir nas melhores palavras-chaves, entender os diferentes tipos de cobrança e fazer otimizações constantemente.

A mídia paga serve tanto para promover conteúdos nas redes sociais ou blog quanto anúncios para páginas na web. Por isso, é importante saber qual tipo de mídia paga você quer trabalhar e aprender ao máximo o que puder sobre ela.

Marketing de afiliados

O mercado de digital é um dos que mais crescem no Brasil e no mundo, com destaque para o mercado de infoprodutos que foi impulsionado pela pandemia do coronavírus. E quando você começa a entender como isso funciona pode ganhar milhões de reais.

Mas como? Lançando grandes experts. Para isso, você precisa aprender sobre os diferentes tipos de lançamento de produtos para entender qual se encaixa mais ao perfil e produto digital do infoprodutor. Além de dominar outros conhecimentos como anúncios, páginas de vendas, copywriting.

E aí, aprendeu como fazer marketing digital? Quer saber mais sobre essas estratégias? Então, confira nosso artigo sobre Tipos de marketing.

E aí, pronto para começar a trabalhar com marketing digital?

O marketing digital é o marketing do presente e do futuro. Por isso, é uma área promissora para quem quer ganhar dinheiro, seja sendo um profissional, um prestador de serviços ou uma agência. Então, agora é hora de começar a trabalhar com marketing digital!

Você já começou a sua jornada? Ainda não? Então, aproveite as nossas dicas sobre como trabalhar com marketing digital. Se quer saber mais sobre franquias de marketing digital para começar o seu negócio, entre em contato com a nossa equipe e abrace essa incrível oportunidade!

Se você gostou do nosso artigo e quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo digital e ainda aprender mais sobre ele, siga-nos nas redes sociais. Estamos no Instagram e no YouTube.

e aí, GOSTOU? COMPARTILHE!

vamos CONVERSAR?

Você tem uma ideia que precisa tirar do papel?