curso de vendas
Marketing Indireto
O poder do

Marketing Indireto

gerando vendas diretas

Blog   ·  Criado em 12/11/2019   ·   Atualizado em 17/09/2021   · ​ 28 minutos

Marketing Indireto

Existem vários tipos de marketing, mas hoje, vamos falar sobre o marketing indireto e você já vai entender o porquê.

É muito comum encontrar consumidores incomodados com estratégias de marketing direito e, provavelmente, você também já deve ter passado pela mesma situação. 

Uma propaganda interrompendo a melhor parte de um vídeo no YouTube, um anúncio que quebra o clima enquanto escuta uma música no Spotify ou aquele pop-up que estoura na tela do computador enquanto você faz uma compra online são algumas, das muitas, estratégias de marketing que interrompem e pressionam o consumidor a comprar, certo?

Porém, na contramão dessa enxurrada de propagandas, tornou-se popular o marketing indireto.

Uma estratégia discreta, cujo foco é entrar na mente do consumidor sorrateiramente, sem que ele perceba.

A ideia por trás do marketing indireto não é criar uma campanha agressiva de comunicação, muito menos falar diretamente com o público-alvo.

Na realidade, a empresa que investe no marketing indireto quer, em primeiro lugar, conquistar a confiança do seu cliente em potencial. E, só depois de finalmente conseguir criar um vínculo com seu público, estimular cada um dos seus leads a se transformarem em clientes, embaixadores da marca.

Isso quer dizer que quanto mais interagir com seus leads, mais os novos clientes virão até você. 

Quer saber mais sobre o poder do marketing indireto, suas vantagens e desvantagens e como utilizá-lo em sua empresa? Então, prepare o caderno de anotações e vamos às dicas!

O que é marketing indireto?

O marketing indireto é formado por um conjunto de estratégias usadas para uma empresa vender seu produto, sua ideia ou seu serviço sem “usar publicidade”. É um marketing mais sutil e discreto que passa longe do “compre agora” ou qualquer outro artifício comum no mundo das vendas.

O marketing indireto está inserido em filmes, séries, novelas e jogos.

A série Friends é um exemplo clássico de marketing indireto. Ao longo dos 236 episódios, distribuídos em 10 temporadas, é possível observar nas cenas algumas marcas compõem o cenário discretamente, como, por exemplo, uma lata de Coca-Cola em cima da mesa. 

Não é à toa que o marketing indireto também é conhecido no mercado como marketing invisível, onde o anunciante nunca é o principal destaque, mas sempre está posicionado de modo estratégico.

A ideia é que seja um mero coadjuvante, fazendo com que os consumidores comprem um produto ou contratem um serviço sem saber ao certo o que o levou a escolher aquela marca. 

Em poucas palavras, o objetivo do marketing indireto é implantar a marca na mente do público, fazendo com que seja lembrado inconscientemente. Por isso, o uso de termos que pressionam o consumidor como “compre agora” ou “não perca tempo” são extintos nessa estratégia. As ações são mais leves, gerando uma maior aceitação pelo público.

Dessa forma, o resultado só é visto em longo prazo, quando o cliente precisa de algum produto ou serviço relacionado à marca e lembra da empresa em seu subconsciente. Recomendamos você usar o marketing indireto associado as estratégias de marketing digital, além de mais econômico e simples de implementar, você poderá ter muitas métricas.

Exemplos de sucesso de marketing indireto

marketing indireto exemplos

Vamos avaliar alguns exemplos de marketing indireto para entender como um negócio é capaz de alcançar grandes performances de vendas para qualquer negócio. Compreenda melhor a diferença do marketing direto e indireto:

Red Bull te dá asas é um dos exemplos do marketing indireto

Você conhece a marca de energéticos Red Bull? Apesar de ser uma bebida, a empresa conta com uma equipe na Fórmula 1, promove vários eventos de esportes radicais e patrocina atletas de diversas modalidades, tem equipes de skate e chegou a patrocinar, em 2012, o primeiro homem a superar a barreira do som em queda livre, o austríaco Felix Baumgartner.

Esses eventos promovidos pela marca e os campeonatos que participa com seus times/atletas são uma estratégia de marketing indireto. Por quê? Pelo simples fato de influenciar indiretamente os clientes a longo prazo. 

A Red Bull é uma bebida de energético, mas, em sua essência, a empresa promove aventuras, festas, desafios e muita adrenalina. Esse é o motivo das pessoas gostarem de beber Red Bull, mesmo sendo uma das marcas mais caras de energético que existem nas prateleiras do mercado.

A estratégia de marketing indireto foca em ser lembrado pela sua filosofia, em compartilhar um estilo de vida com os seus clientes. Algo que vai muito além do seu produto.

Marketing indireto exemplos de sucesso com Burger King e o Homem de Ferro

O filme Homem de Ferro é conhecido por apresentar o personagem Tony Stark e dar start ao (gigantesco) universo da Marvel que conhecemos hoje.

Na cena em que Stark volta para os Estados Unidos, após o seu sequestro, ele pede um hambúrguer e uma coletiva de imprensa. Logo que chega para a coletiva, seu motorista entrega a ele um hambúrguer do Burger King. Em nenhum momento a câmera foca na logo da rede de fast food, porém, os mais atentos vão com certeza perceber a sua presença. Confira esse exemplo de marketing indireto em ação:

Marketing indireto exemplos de sucesso do FedEx e o Sr Wilson

Estrelado pelo ator Tom Hanks em 2000, o filme Náufrago conquistou muitos prêmios. Para quem não se lembra da história, Chuck Noland (Hanks) era um executivo da FedEx (famosa empresa de entregas nos Estados Unidos).

Durante uma viagem de avião, o executivo sofre um acidente e fica preso em uma ilha deserta.

Além da empresa de entregas FedEx, outro grande personagem do filme foi o Sr Wilson, uma bola de vôlei da marca Wilson, que passou a ser o parceiro de confinamento do protagonista e seu amigo.

Acompanhe mais um exemplo de marketing indireto em um filme:

O homem aranha e o YouTube mais marketing indireto exemplos de sucesso

O YouTube é uma das maiores plataformas de vídeo que existem em todo o mundo e seus usuários compartilham todos os tipos de conteúdos.

No filme Homem-Aranha: De Volta ao Lar, lançado em 2012, Ned Leeds fica surpreso ao descobrir que Peter Parker, seu colega de classe e melhor amigo, é o “Homem-Aranha do YouTube”.

Será que essa foi uma coincidência como tantas outras que existem em filmes e séries? A gente acredita que não.

Confira agora mesma essa cena hilária.

O Punho de Aço e sua preparação física é mais um marketing indireto exemplos de sucesso

Punho de Aço, o super-herói que ganha vida por meio do personagem Daniel “Danny” Rand, precisa colocar o shape em dia para combater seu arqui-inimigo Davos, o Serpente de Aço.

Durante o seu treinamento na série da Netflix, uma marca chama a atenção: Everlast, reconhecida empresa de materiais esportivo em todo o mundo.

Confira a cena:

Agora que você já viu alguns exemplos de marketing indireto que aparecem discretamente, ou não, em filmes e séries, chegou a tão esperada hora de descobrir como colocar a mão na massa e usar toda a sua criatividade para pôr em prática o marketing indireto em seu negócio.

A grande diferença entre marketing direto e indireto

Enquanto o marketing direto busca fechar vendas de forma objetiva, o marketing indireto constrói uma história, ganha confiança e “vende sem vender”

O marketing indireto surgiu como um contraponto das campanhas tradicionais de marketing direto convencional. Muitas vezes o consumidor cria uma resistência às campanhas apelativas devido ao volume de anúncios que é impactado diariamente.

O marketing indireto funciona de maneira bem sútil, sem que o consumidor perceba que está diante de um anúncio. Essa é uma forma de uma marca quebrar a resistência que sempre está armada.

Veja abaixo um quadro comparativo entre marketing direto e indireto:

marketing direto e indireto

Percebeu a grande diferença do marketing direto e indireto?

O marketing indireto substitui o direto?

Não, o marketing indireto não substitui o marketing direto.

Sabe por quê?

As duas estratégias são importantes para um negócio e devem ser usadas de formas completamente diferentes. Porém, uma complementa e impulsiona a outra.

Por exemplo, na série Punho de Ferro a marca Everlast aparece durante as cenas de treino do protagonista. Mas seus esforços seriam em vão se em paralelo a marca não usasse o marketing direto para falar com o seu público, seja por meio digital ou offline.

O marketing direto pode ajudar até mesmo a lembrar da marca que foi vista no filme, série ou uma publi.

Estratégias de marketing indireto

Até aqui já falamos sobre o poder do marketing indireto, te apresentamos alguns exemplos e mostramos a diferença entre os dois. Agora chegou o momento de vermos como as ações funcionam na prática, para isso, separamos 8 formas de aplicar o marketing indireto. Vamos lá?!

1. Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo compartilha materiais valiosos e relevantes para o seu público-alvo. O conteúdo não é centralizado em um produto/serviço, mas foca, especialmente, nos problemas dos clientes e em soluções para eles.

Você não vende algo no marketing de conteúdo, porém, levando informação aos leitores. Alguns exemplos de marketing de conteúdo são:

Existem muitas maneiras de compartilhar conteúdo e informações gratuitamente. Em troca, você atrai a atenção das pessoas interessadas naquilo que você vende.

Em seus conteúdos é possível capturar e-mails, informações para entrar em contato e facilitar a venda. Depois que o conteúdo é publicado, é preciso o compartilhar com as pessoas certas. Só assim para conquistar um bom desempenho orgânico.

Acredite, compartilhar conteúdos ricos podem trazer clientes novos todos os dias para o seu negócio, basta alinhar de maneira correta:

  • o tipo de conteúdo;
  • a frequência de publicações;
  • a escolha de palavras-chave;
  • quais locais serão compartilhados.

2. SEO

Uma das formas mais eficientes para que um conteúdo apareça no topo das pesquisas feitas na internet é aplicar as Técnicas de SEO. De forma resumida, SEO é um conjunto de estratégias que vão ajudar uma empresa a melhorar o desempenho durante as buscas orgânicas feitas em buscadores como o Google.

Considerado uma das principais estratégias do mundo digital, o SEO pode tornar todo o conteúdo de um website mais atrativo e possibilitar que atinja muitos leitores.

Em outras palavras, o SEO permite que as pessoas encontrem um blog empresarial e faz com que as suas práticas de marketing de conteúdo sejam vistas. Dessa forma, percebe-se que o marketing de conteúdo e o SEO andam de mãos dadas. 

Mas lembre-se: não adianta ter um ótimo conteúdo, se eles não o ajudarem a chegar até o seu público desejado.

3. Patrocínio

Patrocinar eventos, feiras e workshops é uma estratégia muito utilizada dentro do marketing indireto. As marcas patrocinadoras ganham a oportunidade de distribuir seus produtos nas dependências do evento, tendo, muitas vezes, stands para networking.

Além disso, é possível ganhar visibilidade nos painéis de patrocinadores, também chamados de Backdrops. Esses painéis são usados como plano de fundo nos eventos, entrevistas, coletivas de imprensa, premiações e apresentações.

O objetivo desses painéis é aproveitar a exposição midiática para os participantes dos eventos.

4. Publicações nas redes sociais

Uma rede social, quando bem estruturada, pode ser um item valioso no marketing indireto por possibilitar a interação com um público específico.

O segredo para criar uma rede social incrível é agregar valor a ela. Publique conteúdos úteis e informativos para seus seguidores, conteúdos que geram interações, compartilhamentos e mais seguidores orgânicos.

Essa é a maneira perfeita para aumentar o seu reconhecimento e a fidelidade dos clientes com a marca.

Mas lembre-se: as pessoas não acessam redes sociais para comprar algo, por isso o marketing indireto nas redes sociais é uma estratégia incrível.

Não esqueça disso.

5. Parceria com influenciadores digitais

Os influenciadores estão cada vez mais em alta nas redes sociais, especialmente no YouTube, Instagram e TikTok.

Como o nome já diz, os influenciadores são capazes de inspirar seus seguidores e podem vender produtos facilmente. Especialmente se são bem-vistos socialmente. 

Por causa disso, muitas empresas fecham parceria com os influenciadores que são compatíveis com o seu negócio. Quando eles publicam uma foto ou gravam um vídeo, as vendas podem crescer drasticamente.

Só não se esqueça que fazer o marketing indireto precisa de frequência, de nada adianta fazer apenas uma aparição com um influenciador e achar que sua empresa irá faturar milhões.

6. Product Placement

Você já assistiu a um filme ou a algum programa de televisão em que marcas apareciam em grande evidência? Vimos alguns exemplos acima, certo?

Marcas de carros, celulares, bebidas, roupas ou uma mistura delas sempre aparecem em momentos-chave durante as cenas. Essa estratégia é chamada de product placement, ou, em português, colocação de produtos em cena.

Um dos grandes exemplos de marketing indireto foi no filme 007 de 2012, "Skyfall".

Quem é fã da franquia de filmes 007, sabe que o agente secreto britânico sempre pede seu tradicional Martini "batido, não mexido" quando está em um bar.

Porém, no longa lançado em 2012 o agente secreto pediu uma cerveja Heineken. Isso mesmo que você leu! Bond trocou seu Martini batido, não mexido por uma Heineken.

O motivo? A cervejaria holandesa pagou milhões de euros para que o agente secreto mudasse seu pedido. Essa variação deixou, grandes fãs, chocados, mas "indiretamente" a cervejaria aumentou consideravelmente suas vendas.

Esse é um dos milhares de exemplos que existem no mercado.

7. Boca a boca

O marketing boca a boca é uma das melhores formas de ser reconhecido no mercado. Isso acontece quando a empresa oferece um bom produto, serviço ou uma experiência de compra incrível para o consumidor e ele retribui o indicando para amigos, familiares ou seguidores.

Essa estratégia de marketing indireto estimula empresas a melhorarem. Por exemplo, se a sua empresa vende produtos em uma loja virtual, dê algum brinde ao cliente, ofereça um atendimento incrível. Pegue seu cliente de surpresa e o surpreenda.

Aproveite e entenda como criar uma loja virtual.

Independente se o ambiente é online ou offline, a indicação boca a boca é uma interação entre pessoas que compartilham ideias, produtos e experiências semelhantes.

8. Vídeos no YouTube

Fechar parceria com canais do YouTube é outra forma de trabalhar seu produto, serviço ou marca. Por exemplo, o canal Porta dos Fundos fez um vídeo de marketing indireto divulgando o lançamento de uma coleção da C&A. 

Outra dica interessante, agora para quem trabalha com tecnologia, é investir em vídeos de review. Além de trazer mais credibilidade para a sua empresa, os reviews são estratégias práticas e inteligentes para conquistar a confiança dos seus clientes.

Os principais personagens das reviews são os YouTubers, especialmente do mercado de tecnologia. Eles recebem o produto, de graça ou emprestados, fazem o inbox (abrem a embalagem logo que recebem) e depois de testes incansáveis, eles fazem um review completo. 

Esses vídeos são vistos por milhares de pessoas que querem tirar dúvidas se devem ou não comprar um produto ou contratar um serviço. 

Outros exemplos de marketing indireto são:

  • Camisa de time de futebol;
  • Videogames - por exemplo, em jogos de carros que mostram a marca do carro quando o jogador vai selecionar algum automóvel;
  • Séries e novelas.

Como aplicar o marketing indireto em seu negócio

Agora que já entendemos quase tudo sobre o marketing indireto, que tal entender como aplicar essa estratégia para melhorar os resultados da sua empresa. Preparado?!

1. Conheça bem a sua persona

Conhecer bem o público que você quer atingir é indispensável para criar estratégias assertivas. Voltando ao exemplo da Red Bull: a empresa entende quais são os interesses dos seus clientes e, a partir disso, investe em um marketing indireto que se encaixa a eles.

Sendo assim, o primeiro passo para começar uma estratégia de marketing digital é conhecer bem a persona da sua empresa. Faça um mapeamento dos seus clientes atuais e entenda qual a idade, o perfil social, maiores necessidades, hobbies e outras informações importantes.

Com todos os dados organizados, observe as principais características compartilhadas pelos seus clientes e crie sua persona, ou seja, personagens que representam seu cliente ideal. 

Saiba mais sobre buyer persona e assista ao vídeo abaixo:

2. Escolha a estratégia ideal

Agora que você sabe quem é o seu público e do que eles gostam, fica mais fácil entender onde eles estão. Revise as estratégias de marketing invisível citadas no texto e identifique a ideal para o perfil de clientes da sua empresa. Lembre-se de usar marketing direto e indireto, ok?

Citamos somente as principais, isso significa que você pode criar outras possibilidades para atingir o seu público. Por exemplo, se a sua persona tem interesse em ler um jornal impresso, esse canal pode ser incluso em sua estratégia.

Além disso, é muito importante que a sua empresa tenha uma proposta de valor. É importante que as pessoas falem da sua empresa e entendam a sua proposta. 

As vantagens do marketing indireto

Menos agressivo

Você não precisa ficar chamando a atenção do seu público para gerar novas vendas ou fazer com que eles prestem atenção em seu negócio. Compartilhe conteúdos e atraia possíveis clientes, e, a partir disso, trabalhe seus contatos com mais conteúdo até que finalizem sua compra;

Trabalha o reconhecimento de marca

Ao optar pelas estratégias de SEO e conteúdo, é possível construir sua reputação de marca e ganhar autoridade online;

Custo-benefício

As campanhas de marketing indireto geralmente são mais baratas do que muitas estratégias de marketing tradicional ou até mesmo anúncios no Google ou redes sociais. Tudo é claro vai depender da estratégia escolhida.

Desvantagens do marketing indireto

Impossibilidade de mensurar os resultados

Diferentemente do marketing direto, o indireto não possui uma comunicação bidirecional nem abre espaço para feedbacks em relação à campanha. Por isso, os resultados são mais difíceis de serem mensurados, mas difícil não quer dizer impossível.

Por exemplo, por meio de questionários que podem ser enviados para os clientes responderem é possível acompanhar o sucesso das campanhas. Mas ainda assim pode ser algo muito complicado, já que depende de outros fatores que não apresentam uma mensuração exata.

Alto custo de implementação

Algumas ações podem demandar a contratação de mais funcionários, produção de materiais diferenciados e muito mais. 

É válido ressaltar que no fim, os altos custos não garantem um retorno rápido nem mensurável.

Quer investir em marketing indireto? É preciso ser paciente!

Os resultados levam tempo para aparecer, por isso é preciso ter paciência e não desistir. Você não pode esperar que um artigo publicado em um blog aumente suas vendas da noite para o dia.

Existem casos que levam anos para o marketing indireto trazer um retorno financeiro satisfatório. Nós, e tantos outros especialistas, podemos afirmar que tudo o que o seu negócio faz, pública, investe, é uma forma de marketing e pode gerar bons frutos. 

Todas as vezes que você vende ou atende um cliente, é possível influenciar pessoas a comprarem novamente ou simplesmente fazê-lo nunca mais voltar. Assim como o marketing direto, o indireto pode alcançar altas taxas de sucesso, quando bem planejado e executado. 

O segredo? Manter tudo claro e muito bem-feito.

Gostou do nosso conteúdo sobre Marketing Indireto? Se você precisar de ajuda pode deixar seu comentário que faremos o possível para responder todos.

Confira muitos outros conteúdos exclusivos no Instagram ou no YouTube!

e aí, GOSTOU? COMPARTILHE!

vamos CONVERSAR?

Você tem uma ideia que precisa tirar do papel?