curso de vendas
Como criar um site Juridico

Como criar um site Juridico

Blog   ·  Criado em 15/12/2020   ·   Atualizado em 25/05/2021   · ​ 22 minutos

Como criar um site Juridico

Com a pandemia e o afastamento social, muitos negócios precisaram se reinventar na internet para atrair novos clientes e manter o negócio funcionando. Os escritórios de advocacia foram um deles, mas como criar um site juridico que conquiste grandes performances digitais?

A internet se tornou a maior "página amarela" de todos os tempos. As pessoas a usam para pesquisar produtos e serviços de todos os segmentos, especialmente para pesquisar por atividades específicas como os serviços juridicos.

Por causa dessa tendência, muitos profissionais de direito nos procuram em busca de uma solução para o seguinte problema: como criar um site juridico, feito para advogados e escritórios de advocacia sem desrespeitar os limites publicitários da área, e ainda gerar grandes performances digitais?

É inevitável que muitos clientes encontrem bons advogados, ou escritórios, por indicação, mas a criação de site para advogados e a internet mudaram essa dinâmica.

Por isso é importante que os profissionais da lei construam sua própria identidade digital, sem ferir nenhuma legislação do marketing juridico.

A criação de sites para advogados é o cartão de visitas de qualquer profissional que deseja conquistar novos clientes. Pensando nisso, criamos este conteúdo para você entender quais os primeiros passos dar.

Qual a importância da criação de site para advogados?

criação de site para advogados

Apesar do poder do marketing boca a boca, muitas pessoas recorrem à internet para encontrar advogados qualificados quando precisam resolver alguma questão legal.

Isso mostra que, apesar das limitações, todos os profissionais do direito, independentes ou grandes escritórios, precisam construir uma identidade digital.

Alguns bons motivos para investir na criação de sites para advogados são:

  • A internet é mais um canal para divulgação do negócio
  • As pessoas podem encontrar seus serviços sempre que precisarem
  • Sua base de clientes pode aumentar drasticamente
  • Você constrói credibilidade e conquista a confiança das pessoas
  • Com o marketing de conteúdo você pode se tornar uma autoridade em sua área
  • A criação de site para advogados pode ser uma ferramenta de marketing poderosa, quando feita com inteligência

É possível conquistar novos clientes fora da sua região de atuação

Essa é uma forma mais econômica do que outras mais tradicionais de marketing

Ao entender como criar um site Juridico, você constrói uma nova forma de divulgar seu negócio, compartilhar informações relevantes sobre sua área de atuação e ainda “vender seu peixe”.

É possível conquistar tudo isso mesmo com todas as limitações que os profissionais Juridicos sofrem na hora de divulgar seu negócio.

Assim como outras estratégias de marketing digital, um site juridico precisa de um conjunto de ferramentas para alcançar grandes performances online.

Conheça algumas estratégias que você pode aplicar no marketing digital para advogados:

Limite de divulgação nas redes sociais e internet

limites para a criação de sites para advogados

Para aprender como criar um site juridico você precisa de muita atenção.

Advogados e escritórios não contam com a mesma liberdade de divulgação que outras áreas do mercado. Existe um limite de publicidade que os profissionais da lei precisam seguir nas redes sociais e em toda a internet para evitar penalidades rigorosas.

Essas limitações entraram em vigor com o Código de Ética da Advocacia publicado em 2016.

Para deixar claro, a publicidade é uma ferramenta que todo advogado e escritório pode recorrer para divulgar seu negócio, porém, existem certos limites que não podem ser ultrapassados para conquistar novos clientes.

De acordo com o Código de Ética da OAB:

Art. 28 O advogado pode anunciar os seus serviços profissionais, individual ou coletivamente, com discrição e moderação, para finalidade exclusivamente informativa, vedada a divulgação em conjunto com outra atividade.

Isso significa que todos os materiais e publicações feitas por profissionais do direito devem ser apenas conteúdos informativos.

Para a criação de site para advogados, você deve se afastar do caráter vendas, promoção, preço ou outras ações mais agressivas para atrair a atenção das pessoas.

Os advogados não podem seguir o caminho do “nós garantimos o melhor preço”, “oferecemos o melhor serviço”, “podemos ganhar a sua causa” e tantos outros. Mas calma, mesmo com tantas limitações você pode alcançar grandes performances digitais.

Como criar um site juridico?

Como criar um site jurídico?

Apesar de todos os cuidados que um advogado precisa ter para a criação de sites para advogados, é possível combinar elementos que vão conquistar novos clientes e o tornar uma autoridade digital.

Criação de site para advogados com objetivo de educar seu público

Como já falamos acima, o advogado só pode divulgar materiais informativos.

Por isso, toda a construção do site deve ser feita para ensinar o seu público. Todas as informações compartilhadas podem abordar sua experiência como profissional, mas também sobre sua especialidade, como funcionam as leis em determinados casos e como existem soluções para determinados problemas.

Contratar um advogado é muito diferente de contratar um encanador ou um profissional de marketing. Os clientes precisam confiar no advogado e em sua capacidade de atuação.

Quais informações publicar no site?

A criação de site para advogados em si é uma forma de publicidade jurídica, por isso ela deve seguir as regras da OAB.

Segundo o artigo 44 do Código de Ética e Disciplina, você pode incluir as seguintes informações em seu site:

Nome do advogado ou da sociedade de advogados

Número(s) de inscrição na OAB

Títulos acadêmicos do(s) advogado(s) e as distinções honoríficas relacionadas à vida profissional (é vedada a menção a qualquer emprego, cargo ou função ocupado, atual ou pretérito, em qualquer órgão ou instituição, salvo o de um professor universitário)

Instituições jurídicas das quais o advogado faça parte

  • Especialidades em que atua
  • Endereço
  • E-mail
  • Página eletrônica
  • QR Code
  • Logo
  • Fotografia do escritório
  • Horário de atendimento
  • Idiomas em que o cliente pode ser atendido

Quais informações não podem ter em um site juridico

informações sobre a criação de site para advogados

Segundo o artigo 4º do Provimento nº 94/2000, não é possível adicionar no site juridico:

  1. “menção a clientes ou a assuntos profissionais e a demandas sob seu patrocínio;
  2. referência, direta ou indireta, a qualquer cargo, função pública ou relação de emprego e patrocínio que tenha exercido;
  3. emprego de orações ou expressões persuasivas, de autoengrandecimento ou de comparação;
  4. divulgação de valores dos serviços, sua gratuidade ou forma de pagamento;
  5. oferta de serviços em relação a casos concretos e qualquer convocação para postulação de interesses nas vias judiciais ou administrativas;
  6. veiculação do exercício da advocacia em conjunto com outra atividade;
  7. informações sobre dimensões, qualidades ou estrutura do escritório;
  8. informações errôneas ou enganosas;
  9. promessa de resultados ou indução do resultado com dispensa de pagamento de honorários;
  10. menção a título acadêmico não reconhecido;
  11. emprego de fotografias e ilustrações, marcas ou símbolos incompatíveis com a sobriedade da advocacia;
  12. utilização de meios promocionais típicos de atividade mercantil.”

Lembre-se de consultar essa lista antes de aprender mais sobre como criar um site juridico. Leve todas essas informações em consideração para evitar problemas e penalidades que podem prejudicar seu negócio. Evite dores de cabeça desnecessárias, não vale a pena.

 Passo a passo básico para a criação de um site juridico

Para a criação de site para advogados não existem segredos. Você precisa concluir algumas etapas como:

Etapa 1: Registre um domínio e hospedagem

O domínio é o endereço que as pessoas digitam no navegador para encontrar o seu site. Ele é como se fosse o endereço físico do seu escritório.

Por exemplo, o domínio da High Sales é https://www.highsales.digital.

Normalmente os domínios terminam com .com ou .com.br, mas os advogados e escritórios podem contratar um domínio personalizado terminado em .adv.br.

Já a hospedagem de um site é um ambiente virtual em que ele fica armazenado na web. Sem uma hospedagem apropriada, o seu site não vai aparecer quando as pessoas digitarem o seu domínio no navegador.

Por isso ele é tão importante. Aprenda mais sobre como hospedar um site.

Etapa 2: A criação de site para advogados

Você pode optar por três alternativas na hora de construir o seu site juridico:

  • fazer sozinho. Existem plataformas como o Wordpress.org que permitem que qualquer pessoa construa o seu próprio site de modo gratuito. Mas não é garantia de que ele ficará harmonioso e atraente, sem parecer algo amador.
  • contratar um freelancer. Essa opção muitas vezes tem um preço mais salgado, já que o profissional vai começar a construção do zero. Você consegue construir um site do jeitinho que deseja, mas os prazos podem ser maiores.
  • contratar uma agência de marketing digital especializada. Uma agência especializada vai oferecer personalidade, exclusividade e um site completo em pouco tempo. Isso porque uma agência especializada investiu no desenvolvimento de uma ferramenta de criação de sites otimizados e rápida, sem comprometer a qualidade.

Veja como é possível criar um site em 20 minutos:

Páginas do site

Mesmo com tantas proibições, você pode entender mais sobre como criar um site juridico completo e chamar a atenção de possíveis clientes. Para isso acontecer é necessário definir as páginas do seu website. Elas podem ser:

  • Home. A página de entrada é a primeira impressão que seus clientes em potencial terão. Mantenha um layout tradicional, limpo e informativo. As pessoas precisam encontrar as informações que precisam facilmente, caso contrário, elas vão embora e podem nunca mais voltar.
  • Escritório. Não é possível disponibilizar informações sobre o escritório, mas fotos e vídeos do espaço são liberados.
  • Profissionais. Quais são os profissionais e suas especialidades? Informe nesta página.
  • Áreas de atuação. Essa é uma área que pode ser trabalhada para informar com mais detalhes a área de atuação dos profissionais do escritório ou advogado.
  • Contato e demais informações. Adicione informações sobre o escritório como endereço, telefones, e-mails, horários de atendimento e um mapa para facilitar a localização

criar um blog juridico

  • Blog. Criar um blog juridico para você compartilhar conteúdos informativos, atualizações das leis, cases de sucesso, tudo para seus clientes e potenciais clientes. Lembre-se que a única forma de publicidade para advogados é a informação, portanto  criar um blog juridico será vital para o seu escritório aparecer bem no Google.

Tenha ainda mais dicas de como criar um site.

SEO

O SEO, que significa “search engine optimization” ou “otimização do mecanismo de busca” é uma estratégia que deve ser aplicada para que o seu site juridico atraia e converta novos clientes por meio do tráfego gratuito das plataformas de pesquisa (Google, Yahoo!, Bing).

Para que um SEO seja bem-sucedido, você precisa de cinco elementos básicos:

  • Conteúdo – as palavras usadas na construção do conteúdo de todo o seu site
  • Experiência do usuário – como seus possíveis clientes consomem o conteúdo do seu site
  • Construção do site – como você distribui os conteúdos e elementos visuais do seu site juridico
  • Conformidade – se o seu site segue as diretrizes que o Google considera importantes para conquistar boas posições nas pesquisas
  • Autoridade – qual a autoridade do seu site em comparação com os seus concorrentes

Imagens, vídeos, textos das páginas, e elementos visuais devem ser adicionados com um propósito e motivo.

Isso sem contar que os advogados precisam ter muito cuidado com aquilo que publicam para não ferir o código de ética e sofrer penalidades.

O SEO é a principal estratégia de marketing digital para atrair visitantes para um site de forma gratuita.

Confira diversas técnicas de SEO!

 Distribuição de conteúdo

O marketing digital permite que você use diferentes tipos de conteúdo para falar com o seu público. São muitos formatos que existem como:

  • Blog
  • Vídeo Institucional, cases de sucesso como um video de vendas sem vender diretamente
  • Podcast
  • Infografico
  • E-books
  • Webinars
  • Redes Sociais.

Você pode aproveitar essa pluralidade de materiais para interagir com o seu público, construir sua autoridade digital e divulgar seu negócio.

É possível, por exemplo, distribuir conteúdos gratuitos em forma de vídeo e aproveitar esse material para criar anúncios no Google Ads ou nas redes sociais para alcançar um grande engajamento.

Mesmo com as limitações estipuladas pela OAB, você pode vender o seu negócio usando apenas materiais educativos.

Para isso acontecer, seus conteúdos precisam ser relevantes, caso contrário, todo o seu empenho será em vão. Pense nisso, ok?

Gostou do nosso conteúdo de como criar um site jurídico? Fique por dentro de todos os nossos conteúdos publicados no blog para mais informações e conteúdos sobre marketing digital.

e aí, GOSTOU? COMPARTILHE!

vamos CONVERSAR?

Você tem uma ideia que precisa tirar do papel?