curso de vendas
tipos de sites

Modelos de site: 35 tipos de sites explicados e com exemplos práticos

Blog   ·  Criado em 13/08/2019   ·   Atualizado em 21/10/2021   · ​ 70 minutos

tipos de sites

O layout do seu site é fundamental para chamar a atenção do seu público, por este motivo, é preciso identificar modelos de site que se encaixem no seu propósito.

Antes de mais nada, é importante dizer que existem milhares de sites espalhados pela internet. Desse modo, a concorrência é grande, e poucos são aqueles que conquistam o seu público de verdade.

opções de websites

O assunto aqui não é quantidade de cliques. Sim, sites complicados, mal feitos e cheios de anúncios podem conseguir um bom número de acessos, entretanto, não alcançam o real valor.

E o que seria este "real valor"? Conquistar o seu público alvo a ponto dele se manter no seu site, revisitá-lo e principalmente completar uma ação. Isso mesmo, se inscrever na sua lista de e-mails e formulário de contatos, e até mesmo fazer uma compra.

Acredite, a aparência do seu site é essencial para cumprir os seus objetivos. Então basta ter um sites criativos, modernos e bonitos? Não, isso é só a ponta do iceberg, confira dois modelos de Sites Criativos:

Sites Criativos - Modelo Impactante

Sites criativos - Chaua

Sites Criativos - Modelo Clean

Sites criativos - Medeage

Sites bonitos e criativos estilo DMC

Sites bonitos estilo DMC

Por exemplo, se você se considera uma pessoa bonita, não basta a "casca", o que ela é por fora. No início pode chamar a atenção, mas com o tempo, se não tiver conteúdo, se não se adequar, o interesse acaba. Quando o assunto é o seu site, vale a mesma regra.

Neste artigo você vai:

  • Entender os pilares para a estrutura de um site de sucesso;
  • Conferir modelos de site;
  • E com isso, ter ideias para os seus sites.

Perguntas essenciais para se fazer antes de ter ideias para modelos de um site

Em primeiro lugar, antes de começar a sua pesquisa, é preciso que você se atente a estas duas coisas:

  1. A sua empresa, serviço, produto;
  2. O seu público alvo, o seu cliente.

A partir destes pontos precisamos responder algumas perguntas. Essas respostas são importantes para te direcionar na sua pesquisa. Imagine só ter que procurar por milhares de sites a fim de encontrar algum que te inspire.

Não concorda que delimitar alguns pontos é uma estratégia interessante para economizar tempo e em consequência, dinheiro? O site é o seu espaço na internet, um cartão de visitas e uma vitrine virtual da sua empresa, além de ser uma extinção do seu negócio.

Desse modo, é importante que a aparência do seu site esteja de acordo com a sua identidade no mundo real. Não estamos falando apenas da sua marca, das suas cores, mas sim da sua missão, visão e valores.

Ou seja, as perguntas que você deve responder são:

  • O que é o seu negócio?
  • O que a sua empresa faz?
  • Quem são os seus clientes?
  • O que o seu cliente valoriza?
  • Onde você quer chegar, o que você quer alcançar com a sua empresa?
  • Quais são os valores que a sua empresa tem como base e quer transmitir?

Pode parecer papo furado, mas acredite, com estas respostas você já conseguirá identificar os melhores tipos de site para a sua empresa, para o seu cliente e para os seus objetivos.

5 pilares para modelos de um site de sucesso

Depois que delimitar as respostas que serão as bases da sua pesquisa, se atente aos pilares que envolvem a estrutura de um site. Estes são os 5 pilares para modelos de um site que fornecem tudo o que é preciso para os seus clientes.

1.Texto

É através dos textos que você vai expor o seu trabalho, dar maiores informações quanto ao seu negócio e como ele funciona, vai tirar as dúvidas do seu público, entre outros pontos.

Este texto precisa estar de acordo com o seu público alvo, em outras palavras, precisa escrever um texto que fale a língua do seu cliente. Se você atende um público jovem, use uma linguagem despojada, use o humor e gírias.

Se você atende advogados, use uma linguagem mais séria, cuide da ortografia e quem sabe até mesmo use jargões deste meio.

Este cuidado não se reflete apenas na linguagem, do mesmo modo, o estilo da fonte é essencial. Para promover uma leitura confortável, se atente ao tamanho e aos detalhes da fonte. Por exemplo, se o seu serviço atende aposentados, ofereça fontes maiores. Semelhantemente, se quer passar seriedade, busque por fontes que transmitam este valor. 

E assim por diante.

2. Cores

Para compor a estrutura de um site, as cores são importantíssimas. Elas destacam elementos, diferenciam textos, e compõem outros detalhes. É importante que não só siga as cores já determinadas na sua marca, mas que também demonstrem os seus valores.

Você sabia que diferentes cores podem trazer diferentes sensações ao ser humano? Não é atoa que as cores do McDonald 's, são o vermelho e o amarelo. De acordo com pesquisas, estes dois tons são capazes de gerar fome. Isso mesmo.

cores para modelos de site

Cores trazem consigo emoções, por exemplo. Você pode colocar isso à prova ao assistir filmes, séries, novelas, entre outras manifestações audiovisuais. Em momentos onde a personagem passa por solidão, tristeza, luto, a imagem fica mais azulada, escura. 

Da mesma forma, ao estar em um lugar quente, árido, os tons são avermelhados, alaranjados.

De maneira simples, vamos listar algumas cores e sensações que estas proporcionam. Por exemplo:

Branco: paz, inocência, honestidade;

Preto: seriedade, inteligência, sofisticação;

Vermelho: paixão, força, energia;

Azul: serenidade, tranquilidade, segurança;

Amarelo: jovialidade, otimismo, alegria;

Verde: saúde, natureza, bem-estar.

Além disso, busque por outros exemplos e transmita os seus valores através das cores na estrutura do seu site. Tome cuidado com a composição, como são diferentes opções de cores para cada elemento, desse modo, é preciso que elas combinem e sejam confortáveis para os seus visitantes. Para isso, teste, altere, e teste de novo, até alcançar uma versão que se adeque às necessidades do seu público.

Se você precisa de ideias para sites de mulheres, a cor rosa pode ser uma boa opção.

Ideias para sites de mulheres

Para aprender tudo sobre o significado das cores, acesse o link. 

3. Imagem

Essenciais para compor o seu site, junto aos textos e as cores. Procure por imagens que combinem com os elementos listados anteriormente. Da mesma forma que o texto se adequa às necessidades do público-alvo, as imagens precisam conversar com os visitantes.

Por exemplo, se o seu site é para advogados, inclua fotos com pessoas bem sucedidas, trajadas com roupas elegantes, busque por exemplos que conversem com a vivência, experiência e objetivos deste público.

Do mesmo modo, se o seu site atende jovens, invista em imagens ilustradas, com elementos fantasiosos, com cores mais vivas e chamativas. Invista na sua criatividade e selecione imagens que conversem com os seus clientes.

É preciso que sejam imagens com boa qualidade e que se adequem às margens do seu site. Mas se atente a dispor imagens com tamanhos adequados para cada elemento do seu site.

Boa qualidade não é sinônimo de imagens pesadas. Redimensione as imagens para o tamanho necessário a fim de não prejudicar o carregamento do seu site. Sites que demoram a abrir tem uma maior chance de serem abandonados pelos usuários.

 4. Estrutura de um site

Estrutura de um site moderno

Você já tem textos, cores e imagens, agora é hora de colocar tudo no lugar. Todo site se divide nestes 4 elementos:

  1. Menus
  2. Barra Lateral
  3. Conteúdo
  4. Rodapé

Menus

O encontramos no topo do site. É a reunião de atalhos importantes para o cliente. De forma básica, é ali que está a "página principal", "informações sobre o negócio", "loja virtual (se você vender online)", "dúvidas frequentes" e "formulário de contato", entre outros.

Este é o lugar que você precisa incluir as principais páginas do seu site. É importante que preze por pontos objetivos a fim de não encher o seu menu com várias informações irrelevantes.

Pense em um sistema de agrupamento. Por exemplo, na sua página de contatos, inclua tanto o formulário, quanto o seu e-mail, links para redes sociais, telefone e endereço ao invés de colocar todos estes itens como links independentes no seu menu.

Além disso, você pode criar diferentes menus com temas específicos. Se você oferece diferentes serviços, pode incluir temas relevantes delimitando páginas que tenham ligação com a temática. 

Barra Lateral

E é aqui que os menus secundários serão expostos. Por exemplo, se você vende roupas online, que tal criar um menu próprio para cada estilo ou peça. Crie um menu chamado "camisetas" e em seguida, pode colocar os links para "camisetas cavadas", "camisetas de manga curta", "camisetas de manga longa", entre outras.

Em contrapartida, é importante dizer que a barra lateral é opcional. Devido ao frequente uso de celulares para acessar a internet, alguns preferem que os sites tenham somente uma coluna, o que facilita o acesso em dispositivos móveis.

Além disso, é importante que você veja como dispor estes links essenciais de uma maneira cômoda para qualquer meio de acesso ao seu site. Uma solução é ocultar a barra lateral, o usuário só a acessa ao clicar em um ícone. Estude sobre os hábitos do seu público e decida a melhor opção para os modelos do seu site.

Para saber mais sobre estrutura de um site criado levando em consideração o acesso mobile, confira o artigo abaixo: 

One Page: aprenda a criar site one page e aumente as suas vendas.

Conteúdo

Área onde você irá dispor os textos e imagens que correspondem a página que o cliente selecionou. Aqui podemos encontrar textos explicativos, perguntas e respostas, produtos e serviços à venda, entre outros.

É importante que cada página tenha um conteúdo que condiz com a sua proposta e que seja clara e objetiva. Além disso, é preciso que preste atenção para formar um funil.

Um funil nada mais é que um meio de fazer com que o seu cliente acesse outras páginas a partir de uma página. Com um clique ele vai para outro conteúdo, desta para outro, assim por diante, até que chegue ao seu objetivo, como uma inscrição, contato ou compra.

Desse modo, é como se ele passasse por uma preparação até atingir a ação. Confira mais sobre este conteúdo no artigo a seguir:

Jornada de compra e funil de vendas na jornada do consumidor

Rodapé

É aqui que você inclui as páginas que não conseguiu incluir no menu principal. No rodapé é importante que o seu cliente tenha um verdadeiro mapa do site, que inclui boa parte dos conteúdos que você oferece, de forma organizada.

Aqui você também inclui informações de contato e meios de atendimento. Além de dispor os créditos, em seguida o nome da sua empresa, o ano em que ela começou suas atividades e o ano atual.

O rodapé é uma espécie de conclusão universal do seu site. Como resultado o cliente consegue ter acesso aos pontos que porventura não conseguiu encontrar nem no menu principal, na barra lateral e no conteúdo. A sua última oportunidade de encontrar o que precisa, e por este motivo, esta parte precisa ser completa. 

Responsivo

Tipos de sites responsivos - estilo keo

Não se esqueça de pedir para sua agência, ou você mesmo fazer um site que se adapte automaticamente para celular, computador e tablet, isso se chama site responsivo

5. Funcionalidades de modelos de sites

Por fim, o quinto pilar para modelos de um site são as funcionalidades, estes são os pontos que vão motivar o seu cliente a completar uma ação, seja realizar um contato, se inscrever ou efetuar uma compra.

Desse modo, é importante que ele chame a atenção do seu público, seja por uma cor ou fonte diferenciada, um bom texto introdutório e até mesmo uma animação.

Dentre as principais funcionalidades temos:

  • Barra de pesquisas;
  • Formulário de inscrição;
  • Botão para WhatsApp;
  • Redes sociais;
  • Atalhos.

Sim, são itens importantes, o intuito é que o seu cliente clique nestas opções, contudo, é preciso ter equilíbrio. Vamos ser sinceros, você já deve ter acessado um site cheio de anúncios pulando na sua tela, a ponto de ficar irritado e sair em busca de outra alternativa. 

Não crie uma enxurrada de informações para o seu público nos seus modelos para site. Se atente a uma única chamada de ação naquela determinada página. Sim, você pode incluir diferentes itens a fim de maximizar as chances do cliente executar a ação, mas é preciso que ele conclua uma única atividade a fim de não se sentir confuso. 

Por exemplo, no fim de uma página, não inclua: 

Se inscreva no formulário abaixo para receber novidades 

+

Siga as nossas redes sociais

Compre o meu serviço / produtos

Invista em uma única ação, como: 

Se inscreva no formulário abaixo para receber novidades 

Com o tempo, crie um laço de fidelidade ao dispor de conteúdos relevantes para o seu cliente, só depois, em um outro momento, invista em chamar a atenção deste para realizar uma nova ação, como a compra do seu serviço/produto. Assim por diante.

Uma agência de marketing digital através do profissional web designer, é responsável por deixar as páginas mais atrativas, área que está em crescimento por ter se tornar indispensável para o bom desempenho do marketing digital, procure uma agência parceira.

Tipos de sites

Nesse ínterim, ao levar estes pontos em consideração, é o momento de saber mais sobre os tipos de sites que existem no mercado. Por outro lado, é preciso que saiba que todos os 35 modelos de site que apresentaremos em breve partem de estilos de site já delimitados, sendo estes:

  • Blog;
  • E-commerce;
  • Notícias;
  • Portfólio;
  • Landing page;
  • Área de Membros;
  • Fóruns;
  • Cursos;
  • Hotsite;
  • Institucionais;
  • Marketplace;
  • Mesclagem (mistura entre dois ou mais tipos de sites).

De acordo com este conhecimento, iniciaremos a lista de 35 modelos de site explicados e com exemplos práticos, vamos começar com estes principais, em seguida reunimos exemplos para que você se inspire.

35 modelos de site explicados e com exemplos práticos

Principais tipos de sites construídos

Finalmente, vamos aos 35 modelos de sites, além de explicar o conceito de cada um, listamos os meios de ganhar dinheiro com cada um dos exemplos.

1. Área de Membros

Neste tipo de site temos uma área para os usuários incluírem suas informações para efetuar o login. Desse modo, eles têm acesso a uma área exclusiva, com conteúdos exclusivos.

Este modelo de site é comum em práticas como a venda de infoprodutos. Assim, aqueles que adquirem o material são capazes de ter acesso às aulas e materiais extras em um espaço digital, sem a necessidade de fazer o download de todos os arquivos.

Outro destaque é a possibilidade de membros interagirem entre si e com o responsável pela área de membros. Semelhantemente a uma rede social ou fórum, mas o senso de comunidade é importante neste modelo de site.

Como meio de monetização a cobrança é feita antes mesmo de se obter as informações para acessar a área de membros. Algumas opções enviam os dados por e-mail ou fornecem imediatamente após a compra.

2. Blog

Tipos de sites estilo portal de noticias

Antes de mais nada, é interessante recordar dos primórdios da Internet, onde os Blogs eram os sites que se assemelhavam a diários virtuais. Não existiam redes sociais, com isso, os blogs se popularizaram entre os mais jovens e desde então foram adaptados até os sites populares da atualidade.

Dessa forma, os Blogs possuem como característica principal os seus artigos, conteúdos que em sua maioria são em texto, mas também encontramos imagens e vídeos para compor a escrita.

Se antigamente eram diários virtuais, hoje em dia podemos dizer que são espaços para conversar e desenvolver assuntos de nichos específicos. Semelhantemente ao propósito original, mas o foco não fica apenas em uma personalidade, mas em um assunto, conceito ou hobbie.

Por fim, é um bom meio de produzir marketing de conteúdo, ao reunir uma comunidade que compartilha de um gosto em comum. Como meio de monetização podemos destacar os anúncios que oferecem ganhos a partir da quantidade de visualizações e cliques.

3. Cursos

Modelos de sites modernos

Se você tem conhecimento suficiente para compartilhar, porque não criar um site onde pode vender o seu curso? Várias são as opções de meios que podem passar informações.

Em resumo, temos textos, vídeos, e-books, áudios. A sua criatividade é o limite. Por padrão, aqueles que investem em cursos costumam disponibilizar vídeo-aulas, versão do vídeo em áudio e texto, além de um material extra que costuma ser um checklist ou e-book.

De forma parecida a área de membros, o meio de adquirir renda é através de uma venda prévia, assim, ao confirmar o pagamento o usuário ganha um login e uma senha para ter acesso ao curso.

Além disso, é possível fazer a cobrança de forma recorrente, mês a mês, se os cursos forem atualizados com regularidade ou já tiver um grande número de aulas disponíveis no catálogo.

 4. E-commerce

Tipos de sites estilo moda

Um dos modelos de site mais populares e em alta na atualidade. As lojas virtuais funcionam como comércios físicos, mas com a vantagem de estar a poucos cliques de distância, além de oferecer facilidades como entregas na porta da sua casa. Aproveite e aprenda como montar uma loja virtual.

Do mesmo modo que lojas físicas, você precisa gerenciar seus estoques, colocar produtos à venda, cuidar do cadastro de clientes e das vendas, entretanto, grande parte deste trabalho é automático.

Com a ajuda da tecnologia, você pode ganhar muito tempo ao automatizar processos como os relatórios financeiros, cobranças e controle de estoques. Desse modo, o e-commerce tem duas partes, podemos chamá-las de "vitrine" e "bastidores".

A vitrine é a sua loja virtual, com seus produtos expostos e prontos para venda. Os bastidores é o sistema por trás dessa loja, uma área que somente você, o dono do negócio, e os seus colaboradores podem acessar via login.

É neste "bastidor" que você tem acesso aos relatórios financeiros, de clientes e de estoque, além da possibilidade de cadastrar novos produtos.  O meio de ganhar dinheiro com e-commerce é através da venda de produtos.

Escolha uma agência especializada na criação de loja virtual, isso ajudará e muito o seu projeto.

5. Modelos de Site de Fóruns

Os fóruns são os primórdios das redes sociais. Um espaço onde vários usuários podem expor suas opiniões em diferentes tópicos. E é assim mesmo que funciona.

O primeiro passo é criar uma conta, em seguida, procurar um tópico do seu interesse para mandar uma pergunta, uma curiosidade, ou iniciar uma conversa. Se não encontrou o assunto desejado, é só dar uma olhada nos subtópicos.

Assim como os blogs, os fóruns podem ter um tema como centro, como programas, jogos, entretenimento, humor, entre outros. Além disso, possuem regras a fim de estabelecer um bom convívio digital.

Os usuários não podem iniciar um tópico repetido se este já está listado, nem mandar uma pergunta que já foi respondida. As regras variam de um site para outro.

Neste exemplo de modelos para site, o meio de monetização pode ter a ver com as próprias regras, como dar destaque a perguntas de um determinado usuário ou até mesmo fornecer ícones e insígnias que demonstrem que aquela pessoa é um usuário premium.

6. Hotsite

Os hotsites são em outras palavras um site temporário. O intuito é usar este espaço digital como uma forma de agregar um projeto maior, que está presente em outros meios de veiculação.

Um grande exemplo de hotsite são as páginas criadas para eventos, que ocorrem em um período de tempo determinado e que após o fim deste, o site deixa de existir.

Do mesmo modo, páginas temporárias feitas para conquistar uma lista de e-mails de pessoas interessadas na aquisição de um determinado lançamento de infoproduto.

O meio de ganhar dinheiro com hotsites é através de todo o conjunto de campanhas para o objetivo estabelecido, já que este é mais uma das ferramentas usadas para se atingir um fim.

Aprenda tudo sobre hotsite.

7. Institucionais

modelos de sites criativos e contemporâneos

Dentre os modelos de site, temos os institucionais. De forma semelhante aos e-commerces, são extensões digitais de pontos físicos, mas em contrapartida, o foco não está na venda de produtos.

Neste caso o objetivo é ser uma página informativa, onde o cliente pode saber mais sobre os produtos e serviços que a empresa oferece e ter as informações de contato de forma clara e objetiva a fim de visitar a loja física, fazer uma ligação ou enviar uma mensagem.

Além disso, a importância de um site institucional vai de acordo com as buscar por determinados produtos e serviços em uma região. Desse modo, ao realizar uma pesquisa em sites de busca, o cliente acessa o seu site que funciona como um cartão de visitas e catálogo virtual.

Do mesmo modo, pode ser uma ferramenta para tirar dúvidas e fornecer um atendimento via internet para os seus clientes. Nesse sentido, o meio de monetização deste tipo de site é através das pessoas que encontraram o seu negócio online e decidiram conhecê-lo no mundo físico.

Criar um site institucional e entrar no mundo digital é um caminho sem volta.

Tipos de sites institucionais - estilo moderno

8. Landing Page

Página semelhante ao hotsite, mas que tem como foco principal capturar informações de contato, como endereço de e-mail ou número do WhatsApp.

Estas páginas costumam dispor de um conteúdo gratuito, mas no fim deste, oferecem uma ferramenta, informações mais específicas ou materiais extras mediante o cadastro do usuário em um formulário.

Em conclusão, o objetivo é formar uma lista de contatos e trabalhar para manter um bom relacionamento com as pessoas cadastradas a fim de divulgar outros materiais e maiores campanhas de vendas.

Quer saber o que não pode faltar em uma landing page de sucesso? Confira esse vídeo incrível:

Saiba ainda mais sobre os tipos de sites estilo Landing Page.

Tipos de sites estilo Landing Page

9. Marketplace

Este tipo de site funciona como um e-commerce, entretanto, ele reúne vários negócios, marcas e empresas em um só lugar. Por exemplo, o Mercado Livre.

Desse modo, tem todos os pontos abordados no tópico onde conversamos sobre os e-commerces (relatórios financeiros, cobranças, controle de estoques, lista de clientes, entre outros), mas fornece essas informações individualmente, para cada lojista cadastrado no marketplace.

O principal meio de renda neste modelo de site é a comissão cobrada a partir das vendas feitas pelos lojistas. Além disso, pode oferecer um sistema de assinaturas onde o vendedor paga um valor fixo mensal para ter acesso a outras vantagens dentro do marketplace, como não ter que pagar comissões e oferecer vantagens aos seus clientes.

Tipos de sites para venda de imóveis

10. Notícias

Em síntese é uma variação dos meios jornalísticos. Se antes tínhamos acesso a novidades a partir de jornais, revistas e televisão, agora ficamos por dentro de tudo ao acessar a internet.

Tanto que várias revistas migraram definitivamente para o online recentemente, a ponto de excluir as suas versões em papel. Assim, os portais de notícia seriam como revistas e jornais digitais.

Os cadernos de jornais, se tornam páginas deste modelo de site, a primeira página se torna a página inicial e daí por diante. Semelhantemente, o meio de se obter renda continua em comum acordo com as mídias físicas.

Como resultado, o site de notícias consegue gerar um meio de ganhar dinheiro a partir de anúncios dispostos nas páginas online. O interessante é que pode fechar pacotes mais vantajosos caso seja voltado para uma região específica, como o site de notícias da cidade.

Com isso, negócios locais podem pagar para incluir um anúncio no seu site e com isso você não depende de nenhuma plataforma que faria esta ponte e cobraria uma comissão por isso, o que potencializa os seus lucros.

11. Portfolio

Se nos modelos de site institucional temos como foco as empresas, os sites portfólio tem como foco as pessoas. Seja você um profissional autônomo ou que esteja em busca de um emprego, criar um cartão de visitas ou até mesmo um curriculum online é uma boa oportunidade para chamar a atenção do cliente ou contratante.

Para este tipo de site, é importante que você inclua literalmente o seu portfólio. Demonstre aquilo que já produziu, em seguida, informe alguns exemplos de empresas que já te contrataram e o que fez para cada uma delas.

Logo em seguida, inclua uma apresentação sobre você como profissional e pessoa, compartilhe os seus objetivos e características. Por fim, inclua as suas informações para contato.

Como meio de obter renda, você usará o link do seu site para enviar o seu currículo/portfólio para potenciais clientes e empresas. Além de passar uma maior credibilidade você ainda aumenta as suas chances. Afinal, as pessoas que buscam por profissionais como você podem entrar em contato por te acharem um mecanismo de busca.

 12. Banco de Dados

Ideias para sites de musica

Sabe quando você busca por uma receita na internet, ou quer saber a tradução de uma música, quem sabe até descobrir como passar de fase em um jogo.

É neste momento que você acessa os bancos de dados. Sites que englobam várias informações sobre um assunto específico. Por exemplo, sites como o wikiHow, Tudo Gostoso e Cifras.

O meio de produzir renda a partir desse tipo de site é com anúncios e recomendações de links de produtos que tenham a ver com o tema que você tem como foco no seu Banco de Dados.

Por exemplo, se tem um banco de dados de receitas, inclua anúncios voltados para itens de cozinha ou recomende a batedeira X ou Y para ganhar uma comissão por cada venda obtida através do seu conteúdo.

 13. Comparadores de Preço

Podemos exemplificar como uma variação dos Bancos de Dados, já que o intuito é, de certa forma, reunir informações em um único site. Mas aqui o foco não está apenas no assunto, mas sim no preço de produtos.

Claro, você delimitar alguns pontos, como por exemplo, comparar preços de peças de roupas ou itens de cozinha. Mas de toda forma, o seu público está ali para saber qual é o produto que oferece maiores vantagens quanto a custo.

E como ganhar dinheiro nesse tipo de site? Pelos links de parceiros. Sabia que grandes varejistas, tanto do mundo real quanto o virtual, oferecem a possibilidade de você se associar? Desse modo você gera um "link de parceiro" e a cada compra feita por este link você recebe uma porcentagem do valor de compra.

 14. Modelos de Site para Compras Conjuntas

Neste caso, funciona como um e-commerce, mas com características próprias. Tudo parte do seguinte conceito: quanto maior a quantidade de itens adquiridos, maiores serão os descontos para a compra.

Imagine então reunir uma grande quantidade de pessoas interessadas em um item, por exemplo, um óculos de marca que custa caro. A marca que vende este óculos oferece um bom desconto na compra de 10 itens. Imagine então procurar por essas pessoas na internet, um lugar que não tem limites geográficos.

De na compra de 10 itens você já ganha um bom desconto, imagine comprar 100 itens. Assim as duas partes saem ganhando. As pessoas que queriam o óculos o conseguiram com um valor muito abaixo do esperado, e a marca obteve um bom número de vendas de uma única vez.

Pra este site você precisa encontrar um item popular, reunir pessoas dispostas a comprá-lo e completar o contato e compra com o fornecedor. Ou seja, foge um pouco do online já que requer o trabalho de negociação.

E como ganhar dinheiro com esse tipo de site? Tire uma comissão por cada um dos pedidos. Como os descontos são bons, parte do valor pago pelos usuários fica com você.

 15. Dropshipping

Um modelo de negócios totalmente online, que envolve conceitos do e-commerce, mas com o foco em apenas um ou poucos produtos. A ideia é escolher um produto incrível e trabalhar para conseguir um bom número de vendas e por consequência uma alta lucratividade neste único item.

Por exemplo, sabe aqueles anúncios de fone de ouvido ou outro produto que "vai mudar a sua vida e é inovador"? Pois é, estes são exemplos de dropshipping. Uma característica clara é que ao clicar no link para a compra, já é direcionado para o produto, não há outras páginas no site, somente a do produto.

Para ganhar dinheiro com essa prática você precisa conhecer bem o marketing digital e fazer o constante uso de redes sociais. Além de fazer uma boa consultoria de um produto que gere um grande volume de vendas. Nessa prática, o valor identificado pelo produto é tamanho a ponto de você conseguir cobrar 200% de lucro. Um único produto, um único esforço, máximo resultado. 

16. E-commerce com Blog

União de dois modelos de site que já abordamos neste artigo, então vamos dar foco ao motivo dessa união. Se em blogs você desenvolve conteúdos que abordam um tema específico e pode incluir anúncios e produtos para gerar renda, porque estes produtos não poderiam ser os seus?

Você pode escrever um artigo sobre um tema e ao final, indicar um produto ou serviço que sanaria os problemas apresentados no texto. Pense meios de usar o conteúdo como forma de concretizar vendas. 

Vale lembrar que transformar o blog em uma página do seu site é algo comum e válido, e pode funcionar para outros modelos de site, como o institucional, banco de dados e marketplace.

17. Modelos de Site de Esportes

Uma mistura de sites de notícias mas com o foco em esportes. Poderíamos considerar este um estilo de site de notícias + um nicho de atuação, mas decidimos dar destaque ao mercado de esportes, em especial o futebol pela força que este tem.

Independente do dia da semana ou horário, os esportes dominam o maior número de buscas. Desse modo, se você se interessa por este universo, é uma boa aposta.

Você pode optar por uma única modalidade de esportes, além disso, pode dar foco em apenas um time, não importa, a paixão dos brasileiros pelos jogos faz com que o tráfego orgânico seja efetivo e gere renda. 

Em consequência disso, os meios de monetização desse modelo de site podem ser anúncios voltados para o público que acessa o site ou até a venda de artigos esportivos ou itens temáticos de um time.

 18. Financiamento coletivo / vaquinhas

Esse modelo de site tem como foco a movimentação de valores em dinheiro. Funciona assim: De um lado temos uma pessoa que tem um projeto, mas não tem dinheiro para concretizá-lo. Do outro, temos outras pessoas que gostariam muito de adquirir o produto ou serviço que aquele projeto que ainda está no papel tem a oferecer.

Com isso, esse público interessado paga valores em dinheiro em troca de futuras recompensas. Em contrapartida, o idealizador do projeto garante o valor em dinheiro para tirar a ideia do papel. Em outras palavras, é uma espécie de pré-venda. Para que tudo seja justo, uma meta correspondente ao total necessário para a concretização do projeto seja estipulada.

Como resultado, é preciso que o público alcance a meta mínima a fim de receber as recompensas, porém, caso a meta não seja alcançada, recebem os valores de volta. Assim ninguém sai perdendo. Esta é uma grande ferramenta para produtores culturais, como autores de livros e histórias em quadrinhos, ou cantores e bandas independentes.

Quem é o dono desse modelo de site, lucra a partir de uma taxa pelo valor total obtido por cada projeto financiado com sucesso. Você só é a ponte que une uma pessoa com uma ideia, com as pessoas que querem investir valores em dinheiro por gostarem da proposta. 

Desse modo, deve garantir uma boa logística a fim de não criar problemas em nenhuma das partes envolvidas.

19. Hospedagem de Jogos

Tipo de site que disponibiliza uma infinidade de jogos para acesso online. O intuito não é a pirataria, mas sim, reunir um catálogo de jogos gratuitos no seu site e conquistar um público que passe horas a fio na sua página.

O trabalho consiste em uma curadoria de jogos, o interessante é que este pode ser um diferencial do seu site. Como a maioria do público deste modelo de site são crianças, poderia oferecer uma maior segurança aos pais e responsáveis ao garantir jogos que condizem com a faixa etária.

Com o alto tempo online no seu site, o foco de monetização está em anúncios. Entretanto, é preciso que preste atenção nos jogos que irá catalogar. Mesmo que sejam gratuitos, estes jogos foram programados por pessoas que ainda possuem seus direitos. 

Desse modo, é importante checar se pode veicular anúncios na mesma página que o jogo estiver. Alguns dos jogos são gratuitos apenas se não tiver nenhum meio de lucratividade envolvido no site que o compartilha. 

20. Banco de Imagens e Fotos

Semelhantemente a hospedagem de jogos, o banco de imagens e fotos funciona de uma forma parecida, mas tem as suas particularidades. Não significa entrar no Google Imagens e baixar várias delas para colocar no seu site. Muito pelo contrário, essa é uma alternativa às buscas no Google.

Muitas pessoas procuram imagens originais que não tenham direitos autorais ou que possam ser adquiridas para uso. Sim, fotos, desenhos e imagens foram feitos por pessoas que possuem seus direitos. A fim de não ter problemas jurídicos, é importante o uso de imagens conseguidas de uma forma legítima.

Como resultado, você pode adquirir algumas fotos ou fechar parcerias com fotógrafos e ilustradores. Em seguida, defina os meios de compra, como os valores pelas imagens ou condições para uso (dar os créditos nas legendas das fotos). Os meios de monetização condizem com parte dos valores das vendas das fotos.

21. Modelos de Site de Infoproduto

Do mesmo modo que o E-commerce, mas o foco está em produtos digitais, como e-books, cursos, entre outros conteúdos virtuais. De forma semelhante, é preciso definir os meios de pagamento e de acesso ao material.

Em contrapartida, a vantagem está nas facilidades como a inexistência de estoques e custos de envio. O que pode ser uma vantagem, por não necessitar de maiores investimentos nestes dois fatores.

Entretanto, para a venda de infoprodutos é preciso investir em autoridade. Não à toa, é um dos maiores investimentos no segmento de Coaching. Os meios de ganho são pela venda direta na loja virtual. O cliente pode acessar o material através de uma área de membros ou realizar o download.

22. Modelos de Site de Jogo Próprio

Diferente do site de hospedagem de jogos, aqui o intuito não é dispor de um grande catálogo de jogos criados por outras pessoas, mas sim por você. Não é preciso que pense em quantidade, mas sim qualidade.

Mesmo que alguns jogos estejam disponíveis em aplicativos ou softwares próprios, nem todas as pessoas têm a condição de adquirir dispositivos com uma grande quantidade de memória disponível para baixar e jogar.

Dessa forma, existe a possibilidade de acessar e jogar a partir da Internet. Basta realizar o login e entrar no jogo. São diversas as formas de gameplay, não há a necessidade de criar altos gráficos e detalhes. Vários são os temas e estilo de jogos, use a sua criatividade e conquiste as pessoas.

A vantagem desse modelo de site está no fato de você ter liberdade quanto aos meios de obter renda. Você pode monetizar a partir de uma um valor mensal em troca do acesso ou até mesmo fazer a venda de itens no jogo, como roupas de personagens.

23. Jornalístico com notícias exclusivas

Semelhantemente a sites de notícias, mas o diferencial está na forma de ganhar dinheiro com o conteúdo. Diferente dos anúncios, o foco aqui é a qualidade da notícia.

Em tempos em que vivemos em meio a um grande volume de informações, é complicado encontrar matérias confiáveis e que sejam relevantes. Dessa forma, sites de notícias incluem conteúdos que o usuário só tem acesso a partir de um pagamento.

A ideia surgiu a partir de uma solução para o mercado editorial de notícias. Com o advento da Internet, as mídias tradicionais perderam a força e consequentemente os ganhos com vendas e publicidade. Investir em um conteúdo com maior qualidade é a aposta para recuperar os meios de renda.

Para monetizar esse tipo de site você pode criar um sistema de assinaturas onde o usuário paga uma mensalidade a fim de ter acesso a totalidade dos conteúdos.

24. Marketplace de serviços

Modelos de sites responsivos

Do mesmo modo que o Marketplace, entretanto, com foco em prestadores de serviços. Em outras palavras, ao invés do usuário cadastrar produtos no seu site, ele inclui informações sobre ele mesmo e sobre suas experiências.

Em seguida, as pessoas que procuram por um determinado serviço podem acessar o seu site a fim de selecionar o profissional que está de acordo com as suas necessidades.

O meio de monetização é o mesmo, uma comissão a partir dos valores conquistados pelos usuários e pelos clientes. Algumas plataformas ainda obtêm renda a partir de um sistema de assinaturas que oferece vantagens quanto às limitações que o site impõe a fim de garantir um contato seguro entre as partes.

25. Modelos de Site de Pesquisas

Sites de buscas disponibilizam uma curadoria de conteúdos dispostos na rede de acordo com um tema específico. Desse modo, você pode delimitar alguns nichos de atuação.

Um site de pesquisas voltado para a história, um site de pesquisa voltado para a economia, um site de pesquisa voltado para temáticas sobrenaturais. Não há limites. Mas este modelo não é idêntico aos Blogs? Não, a diferença está no propósito do conteúdo.

Como são sites com o foco em pesquisa, é preciso trazer um conteúdo completo, extenso e bem trabalhado. É a partir do seu site que as pessoas vão buscar referências para escrever trabalhos acadêmicos ou até criar outros artigos. Ao ter foco em um assunto específico, há chances de se obter um bom tráfego orgânico.

Esse tipo de site reúne um bom número de acessos além de um bom tempo dos usuários no seu site, por consequência, uma maneira de obter renda é através de anúncios.

 26. Modelo de Site de Radar de promoções

Nesse tipo de site, o usuário faz o acesso para conferir os produtos que estão em promoção em diferentes lojas virtuais. Desse modo, o intuito aqui é oferecer em um mesmo lugar todas as promoções disponíveis.

Você pode ter acesso a estas informações ao se cadastrar como imprensa em sites de grandes lojas virtuais. Além disso, para garantir um meio de renda, pode usar o sistema de afiliados. Como consequência, a cada produto adquirido por meio do seu link, você garante uma comissão.

27. Redes sociais

É isso mesmo, uma rede social, por exemplo: Facebook, Instagram, Twitter. Sim, é complicado conseguir sucesso com este mercado, mas se inserir em qualquer mercado é complicado.

Se alguns já chegaram até lá, porque não podemos fazer o mesmo? Interações sociais é uma das bases da vida de um ser humano, desse modo, usar a internet para promover contatos é uma excelente aposta.

Entretanto, é importante que você descubra uma forma diferente e que o público goste de verdade. A principal questão quanto a redes sociais é que esta só funciona e gera interesse se as pessoas estiverem lá.

Os meios de monetização são através de perfis comerciais e anúncios dentro da rede com direcionamento para público específico que conseguiu como usuário do seu site.

 28. Resenhas de produtos

Diferente do modelo de sites de Radar de Promoções, o intuito aqui não é dar foco aos melhores preços e condições, mas sim na qualidade do produto. Oferecer dados relevantes e mostrar detalhes aos visitantes do site.

Como resultado, você ajuda os consumidores a descobrir mais sobre os produtos antes que efetuem a compra, e com isso, reduz os problemas deste quanto a arrependimentos e trocas.

Para gerar uma renda extra com este tipo de site, você pode se associar com as lojas virtuais a fim de obter um link de afiliado. Desse modo, sempre que alguém clicar no link e comprar você recebe uma parte do valor da venda.

29. Modelos de Site de Serviços

Exemplos de sites clean

Semelhante ao Marketplace de Serviços, mas neste tipo de site o foco é no seu trabalho. Do mesmo modo, podemos associá-lo a um e-commerce que não dá foco a produtos ou infoprodutos, mas vende os seus serviços.

Desse modo, é importante que você se apresente ao cliente, de forma clara disponha as suas capacitações, experiências e testemunhos de clientes satisfeitos. Além disso, você pode fornecer um formulário de contatos a fim do cliente notificá-lo para contratar os seus serviços.

Nesse caso, o site é uma ferramenta de comunicação e um meio de obter novos trabalhos, a renda condiz com a demanda de oportunidades que você vai conseguir online.

30. Modelos de Site de Site de Testes

"Qual legume você seria?" Sabe aqueles testes que costumam aparecer nas redes sociais com temas aleatórios mas que chamam a atenção? São verdadeiros sucessos no mundo virtual.

Com algumas perguntas e as respostas do usuário, um diferente resultado será exposto. Assuntos que envolvem a cultura pop, misticismo, astrologia e até "adivinhações" chamam a atenção das pessoas.

Claro que neste caso são testes para entretenimento, o intuito é divertir o público. Existem alguns modelos de sites de testes que tem como propósito conhecer a fundo o público alvo de determinadas empresas.

Também conhecidos como sites de pesquisa, o foco é em coletar informações relevantes para os grandes negócios. O formato é semelhante, mas os assuntos são quanto a costumes, hábitos de consumo e perfil dos potenciais clientes.

O meio de ganhar dinheiro com esse modelo de site é por intermédio de anúncios, pelo alto volume de visitas e cliques. Além disso, se o seu site tem foco em pesquisas, você pode vender os dados obtidos para alguma marca ou a própria empresa pode contratá-lo para realizar este trabalho.

No segundo caso muita das vezes os usuários recebem recompensas, até mesmo em dinheiro, pois é um trabalho, não envolve entretenimento.

31. Sites de Assinaturas

Podemos comparar ao E-commerce, além do modelo de sites de resenhas de produtos. Afinal, os Sites de Assinatura promovem o envio de diversos itens com um tema ou necessidade específica.

Você já deve ter visto por aí, aquelas caixinhas entregues todo o mês, com camisetas e itens nerds, com itens para pets ou livros de uma temática estabelecida.

Funciona assim: O usuário acessa o site, escolhe a assinatura que se enquadra ao que mais interessa. Na média são três opções, uma básica, uma normal e uma premium, cada uma com diferentes vantagens de acordo com o preço. Em seguida, o pagamento é confirmado e todo mês um conjunto de itens são enviados para a casa do usuário.

A vantagem deste modelo de sites está nos descontos que pode conseguir com os fornecedores destes itens devido a quantidade de produtos adquiridos. Além de, claro, os valores das assinaturas. O que é uma grande vantagem por ser uma renda recorrente.

32. Modelos de Site de Transmissões ao Vivo

Neste modelo de site o foco é dar possibilidade dos usuários fazerem transmissões ao vivo. Este tipo de site requer um alto valor de investimento, pois seu servidor deve suportar a transferência de dados. Quanto maior o número de usuários, maiores serão os gastos.

Entretanto, este estilo de site vem ganhando forças com o tempo. Em destaque temos sites que oferecem transmissões ao vivo de criadores de conteúdo com foco em jogos.

Como resultado da popularidade neste meio, outros segmentos seguiram a onda, hoje em dia abrem transmissões a fim de assistir filmes e ler junto com os públicos, até mesmo só para conversar.

Outro ponto que instaurou o sucesso desse modelo de site foi o isolamento social. Em destaque, temos o setor de saúde com a tendência de telemedicina, consultas a partir de transmissões ao vivo.

Como meio de gerar renda, você pode oferecer um sistema de moedas da plataforma, onde os visitantes compram pacotes destas moedas a fim de incentivar os seus criadores de conteúdo favoritos, desse modo você consegue uma comissão destes valores.

33. Modelos de Site de Vídeos

Por fim, modelos de Sites de Vídeo. Podemos comparar a uma mistura entre marketplace de infoprodutos e rede social. O intuito é oferecer espaço para as pessoas postarem seus vídeos a partir da criação de uma conta e login.

Do mesmo modo que o modelo de sites de Transmissão ao Vivo, é necessário um bom processamento, pois vídeos são arquivos extremamente pesados.

Os meios de obter renda são a partir de anúncios e do mesmo modo, oferecer um sistema de moedas da plataforma a fim dos espectadores incentivarem seus criadores de conteúdo favoritos.

34. Tipos de sites para imobiliárias e construtoras

exemplos de sites para construtora

exemplos de sites

Os sites de imobiliárias e construtoras devem investir em imagens de boa qualidade. Quem busca comprar um imóvel ou alugar precisa de fotos e vídeos para conhecer o espaço e suas qualidades.

Como essas imagens vão desempenhar o papel de atrair e vender os imóveis, os modelos de sites para imobiliárias e construtoras devem um estilo mais limpo e minimalista.

Quando existe uma poluição visual, os visitantes do site não vão prestar atenção naquilo que é realmente importantes.

Aprenda mais sobre o marketing digital para imobiliárias.

35. Modelos de Sites para advogado

Existem muitas restrições para advogados anunciarem seus serviços online. Tudo isso é limitado e regido pela própria OAB. Mas é possível os profissionais do direito criarem sites modernos, bonitos e elegantes e que remetem credibilidade.

Como por exemplo, manter a sobriedade das cores e elementos usados. Outra grande dica é o profissional usar a sua foto para conquistar a confiança dos clientes logo no início, junto com uma descrição das suas atuações.

Algo que é proibido para os advogados, é compartilhar sua lista de clientes ou empresas que já representou.

Confira um dos principais tipos de sites para advogados.

tipos de sites para advogados

Formas de gerar renda com modelos de sites

Você percebeu que incluímos algumas dicas quanto a como pode gerar renda extra a partir de cada modelo de sites. Vamos reunir todos os meios de monetização para que você entenda melhor como cada uma delas funciona.

  • Assinaturas: cobrança mensal mediante a produtos, infoprodutos ou serviços mensais, de forma recorrente.
  • Banners de anúncios no site: anúncios dispostos nas páginas do seu site com a opção de ser via grandes plataformas, como o Google, ou por contratos com negócios locais.
  • Comissões: uma porcentagem cobrada na transação das operações financeiras dentro do seu site.
  • Compras diretas: o cliente acessa o seu site, cria uma conta, registra seus dados e faz o pagamento, tudo online, de forma direta.
  • Conteúdos pagos: delimitar conteúdos exclusivos que só podem ser acessados mediante pagamento ou assinatura.
  • Links de afiliados: recomende um produto e disponibilize um link para compra, desse modo, quando uma compra for confirmada você recebe um valor de comissão.
  • Prospecção de clientes no site, venda no mundo físico: usar o site como ferramenta de divulgação e comunicação e com isso conquistar mais clientes no mundo físico.
  • Vantagens quanto a usos do site e itens: oferecer a compra de itens digitais, ícones nos nomes e páginas do usuário, além de oferecer algumas vantagens quanto às regras que você estipulou para o uso da sua plataforma. 

Pronto para começar?!

Independente dos modelos e sites ou meios de criar renda extra com os mesmos, você é livre para usar estas referências ou criar algo novo a partir da junção de um ou mais conceitos. 

A internet oferece infinitas possibilidades de criar novos negócios, o limite é a sua criatividade. Agora que já conhece mais sobre meios de monetizar um site e deu uma olhada em 35 modelos de sites, qual é o tipo que mais te interessou?

Consegue unir dois ou mais modelos e criar um estilo de site único? Sim, criar algo do zero é complicado, ainda mais se deseja criar um site moderno, criativo e bonito.

Outras perguntas Frequentes Sobre TIPOS DE SITES

Qual é o tipo de site ideal para o meu negócio?

Você pode escolher entre um Site institucional, uma Landing Page, One Page, Hotsite ou Loja Virtual, mas para que o seu site tenha sucesso estabeleça:
1 - Defina o objetivo do site.
2 - Estabeleça as seções do site.
3 - Crie um conteúdo de qualidade e otimizado. Tire as dúvidas, traga informações relevantes, deixe claro os benefícios e transformação, fale dos diferenciais.
4 - Use imagens e vídeos de qualidade.
5 - Crie um site responsivo.
6 - Conte com ajuda profissional.

Por que usar os modelos de sites?

É possível tirar várias ideias apenas vendo os principais modelos de sites para seguir. Claro que o ideal não é copiar um modelo, mas sim pegar como referência. Veja alguns modelos como:
Modelos de sites para serviço.
Modelos de sites contemporâneo.
Modelos de sites responsivo.
Modelos de sites para imobiliárias e construtoras.
Modelos de sites Clean. E assim por diante.

Qual a melhor Estrutura de um Site Moderno?

A estrutura de sites modernos é composta por:
Um menu dinâmico.
Um campo de busca para os clientes encontrarem o que precisam mais rápido.
Atalhos para os clientes.
Botões que estimulam um maior aproveitamento do site.
Animações que destacam as atividades da empresa.
Blog atualizado.
Formulário para contato.
Vinculação com as redes sociais.
Botão para o WhatsApp.

 

Se você precisar de ajuda para implementar os TIPOS DE SITES que acabamos de ver ou uma estrutura de marketing digital, fique à vontade para falar conosco.

e aí, GOSTOU? COMPARTILHE!

vamos CONVERSAR?

Você tem uma ideia que precisa tirar do papel?