análise de SEO
Como fazer uma

análise de SEO

e identificar pontos de melhoria no site

Blog   ·  Criado em  26/03/2020   ·   Atualizado em 26/03/2020   · ​22 minutos

análise de SEO

Você já pode ter lido em vários lugares informações sobre otimização de mecanismo de busca, ou apenas SEO - o termo mais conhecido entre as pessoas.

Sabemos que é muito importante você parar e analisar toda a estratégia de SEO criada para o seu conteúdo digital.

A Internet não permite que você simplesmente crie algo e siga o mesmo planejamento, sem alterações, até o fim. 

Isso é muito comum na comunicação offline, mas o digital é um organismo que não para e precisa estar sempre em nossa mira para não perdermos boas oportunidades de fechar novos negócios.

Tudo isso para aparecer nos resultados das pesquisas, ou pelo menos manter as boas posições que já foram conquistadas.

Na verdade, muitas pessoas não sabem como fazer uma análise de site, por onde começar, o que analisar, e como ajustar os erros. 

É muito importante conhecer o seu site e o que foi implementado para melhorar o tráfego orgânico do seu site.

Tudo começa com a análise de SEO do seu conteúdo, imagens e muito mais.

Antes de começar a análise de SEO, saiba em primeiro lugar o que é o SEO. Confira esse vídeo explicativo:

Pegue uma caneta e um papel, ou simplesmente seu smartphone, e anote as nossas dicas para uma análise profunda de SEO. 

O que é uma análise de SEO?

A análise de SEO é uma avaliação da sua presença digital em comparação com as melhores práticas de otimização de um website. 

O principal objetivo de fazer esse tipo de análise é identificar os problemas que possam afetar o bom desempenho do seu site nas pesquisas orgânicas.

Uma análise profunda de SEO deve gerar informações úteis dos problemas com conteúdo, estrutura do site, experiência do usuário e muito mais.

Já podemos dizer que não existe um tempo certo ou errado para fazer uma análise de SEO em seu site. O único erro que existe é nunca o fazer. 

3 coisas a fazer para começar uma análise de SEO

Assim como qualquer projeto em desenvolvimento, você precisar de um planejamento das análises que devem ser feitas.

Essas três etapas vão te ajudar a mapear o que precisa ser ajustado.

1. Faça uma análise completa de SEO

O primeiro passo para uma análise de SEO é fazer uma análise de SEO

Ficou estranho? Saiba que sem um mapeamento do seu site, todos os problemas que você tentar resolver será feito a partir de suposições e adivinhações. 

Essa primeira análise vai te ajudar a acompanhar todos os progressos dos seus esforços. Sem saber qual é a sua situação atual, como você vai saber que está saindo do lugar?

O começo é trabalhoso, mas existem ferramentas que podem te ajudar a adiantar o processo.

Plataformas como SEMrush e Google Search Console podem te mostrar os problemas que estão impedindo a otimização das suas páginas.

Depois dessa análise inicial você vai conseguir identificar todas as informações necessárias para avançar para a próxima etapa.

2. Priorize os itens mais importantes

A otimização de um site envolve muitos elementos. Em muitos casos é tanto trabalho que as pessoas desistem antes mesmo de começar.

Nessa hora você pode aplicar a regra do 80/20, mais conhecido como Princípio de Pareto.

A teoria do Princípio de Pareto diz que “para muitos eventos, aproximadamente 80% dos efeitos vêm de 20% das causas”. 

O que isso significa? Trazendo para esse conteúdo significa que você precisa definir quais são os 20% das coisas que você precisa fazer para melhorar 80% dos seus resultados.

A nossa proposta te ajudar a focar em nos problemas mais comuns das análises de SEO dos nossos clientes:

- A velocidade de carregamento

- A segurança do seu site

- As tags 

- As imagens e vídeos usados em seu site

- O conteúdo (palavras-chave, títulos, escaneabilidade)

3. Atribua os ajustes para as pessoas certas da sua equipe e defina um prazo para a entrega

Assim que as prioridades forem definidas atribua para os membros da sua equipe os ajustes que devem ser feitos e definam juntos um prazo.

É importante ressaltar que o prazo deve ser avaliado junto com o responsável pela tarefa. Por serem diferentes as tarefas exigem esforços e tempo diferentes.

O prazo para modificar o conteúdo de um site é diferente do prazo para diminuir a velocidade de carregamento de uma página. Seja realista quanto ao tempo de execução de cada etapa.

Com uma visão mais ampla das etapas necessárias para concluir uma análise de SEO, vamos falar sobre os principais elementos que você, ou a sua equipe, vai se deparar ao longo dessa jornada de otimização.

Os elementos técnicos que não podem faltar na análise de SEO

Certificado SSL

SSL é a abreviação de Secure Sockets Layer.

Você já reparou se a URL do seu site começa com “http” ou “https”?

O que é Certificado SSL

Sim? Então você sabe o que é o SSL.

Segundo o próprio SSL.com, “SSL é a tecnologia de segurança padrão para estabelecer um link criptografado entre um servidor da web e um navegador. Esse link garante que todos os dados passados entre o servidor da web e o navegador permaneçam privados”. 

Em outras palavras, o Certificado SSL evita que os dados dos usuários sejam roubados caso um site, loja virtual ou um portal de notícias sofra algum ataque virtual.

O SSL é importante pois, além de garantir a segurança dos usuários que compartilham seus dados em um site, agora ele faz parte do algoritmo de classificação das pesquisas do Google.

Caso o seu site não tenha o SSL instalado, o Google vai te penalizar. Mesmo que você aplique as outras grandes mudanças, pode não alcançar um bom desempenho.

Seu site não é um local seguro para os usuários? Então não perca tempo e o instale o SSL em seu site.

Tempo de carregamento (desktop e celular)

A velocidade de carregamento do seu site é um fator importante para a otimização e para os usuários.

Segundo o Google um bom site deve carregar em, no máximo, 3 (três) segundos.

Pode ter certeza que se demorar mais que isso as chances das pessoas permanecerem ou voltarem são baixas.

Ninguém quer esperar o carregamento de um site.

A análise do seu site pode te ajudar a definir o que está pesando demais no carregamento. Algumas soluções para os problemas são:

- otimizar as imagens

- publicar vídeos mais leves

- verificar os códigos de construção do site

Site responsivo

site responsivo profissional

A responsividade de um site deixou de ser algo facultativo para ser uma obrigação.

Nada incomoda mais os usuários da Internet do que abrir seu smartphone, ou seu tablet, e entrar em um site, mas ele não se adaptar à tela. 

Os sites responsivos aos dispositivos móveis permitem que o usuário navegue pelo site sem dificuldades. Isso é importante pois:

- Demonstra preocupação com a experiência do usuário. Semelhante ao carregamento de um site, um site não otimizado para dispositivos móveis afasta os visitantes. Lembra do que é sempre dito sobre a primeira impressão? Pois é, é ela que fica.

- O Google recompensa sites responsivos nas classificações de pesquisa por causa da sua usabilidade.
Para ajustar esse erro você precisa:

- Consultar um profissional que desenhe um layout atraente que vai se adaptar para qualquer tipo de tela (seja smartphone, tablet ou desktop);

- Fazer com que as imagens se ajustem;

- Garantir que a tipografia (a fonte) seja legível em qualquer dispositivo.

Otimizar o tamanho das imagens e vídeos publicados no site

Arquivos de imagens e vídeos grandes vão prejudicar com o tempo a velocidade de carregamento do seu site.

Como já falamos acima, sites que demoram para carregar impedem os usuários de encontrarem aquilo que estão pesquisando.

O Google também vai impedir que os usuários cheguem até o seu site para que não tenham uma péssima experiência do usuário.

Para contornar a situação comece a publicar imagens com tamanho inferior a 100 kB (kilobyte) e não esqueça de reduzir o tamanho dos seus vídeos, sem comprometer a sua qualidade. 

Dica: O ideal seria você publicar seus vídeos em sites como YouTube e VIMEO e fazer um direcionamento para o seu conteúdo. Você vai ver como vai reduzir drasticamente a velocidade de carregamento.

Os elementos Onpage que não podem faltar na análise de SEO

Agora que passamos pelos fatores técnicos mais importantes de uma análise de site, vamos focar nos elementos do site.

Diferente dos elementos técnicos, talvez não seja necessário a ajuda de alguém com conhecimento de TI ou em desenvolvimentos para corrigir os problemas.

Título da página

o que é title tag

O título da página também é conhecido como “title tag”. Elas são as descrições curtas de uma página. 

Não existem limites de caracteres para a sua criação, mas é recomendado que não ultrapasse dos 70, pois o título é exibido na aba do navegador e nos resultados de busca. 

O título da página é um dos elementos mais importantes de SEO quando o assunto é classificação nos mecanismos de pesquisa. É ele quem chama a atenção dos leitores.

Por isso a palavra-chave da página precisa aparecer nele, de preferência logo início.

Não esqueça dessas duas dicas quando for a hora de criar uma title tag:

1. Ter menos que 70 caracteres;

2. Ter a palavra-chave no título, de preferência no início.

Entenda o que a palavra-chave representa para o SEO de um site:

Meta description

Meta Description HTML

Diferente do title tag, a meta description é uma descrição do conteúdo da página.

Elas são importantes pois resumem o conteúdo de um modo inteligente e também é um ótimo lugar para incluir a palavra-chave.

O objetivo da meta description é ajudar os usuários a encontrarem o melhor conteúdo para a sua pesquisa, por isso é importante que ela seja bem feita.

Para criar a meta description perfeita, além da criatividade, você precisa se certificar de que ela não tenha mais do que 155 caracteres.

Header Tag

A header tag forma os títulos que compõem o conteúdo da sua página. Ela é essencial para apresentar as seções da página e tornar a leitura mais dinâmica.

Em sua essência as heading tags possuem dois grandes propósitos dentro do conteúdo:

1. Dividir as informações de forma hierárquica e ajudarem na absorção do conteúdo.

2. Otimizar as palavras-chave específicas dentro do conteúdo.

As heading tags começam com o H1 (cabeçalho principal) e continuam da H2 a H6 (subtítulos). 

Usando esse mesmo conteúdo como exemplo, podemos classificar as heading tags da seguinte maneira:

H1 - Como fazer uma análise de SEO e identificar pontos de melhoria no site

H2 - Os elementos Onpage que não podem faltar na análise de SEO

H3 – Heading Tags

Essas tags mantêm a estrutura do texto mais organizado e intuitivo para qualquer pessoa. Além é claro de deixar o conteúdo esteticamente mais bonito.

Sim, até mesmo os textos precisam ter a sua estética de leitura pensada para alcançarmos grandes performances.

Entenda qual é a importância da header tag para o SEO de um site.

Alt Text

Também conhecido como “texto alternativo da imagem”, o alt text é uma tag esquecida por muitos, mas que tem o importante papel de descrever o que tem em uma imagem.

Caso, por algum motivo que ninguém pode prever, uma imagem não possa ser exibida, o alt text da imagem vai informar ao usuário o que ele deveria estar vendo.

A inclusão dessa descrição vai permitir que usuários com deficiência visual consigam ouvir o conteúdo da imagem.

É um diferencial oferecer um conteúdo acessível para todas as pessoas.

Conteúdo duplicado

O conteúdo duplicado é isso mesmo que você pensou: o mesmo conteúdo que aparece em lugares diferentes dentro do site ou o mesmo conteúdo que aparecem em sites diferentes.

A sua análise vai acusar os resultados duplicados do seu site. Para descobrir se o conteúdo foi duplicado em outros lugares, faça uma pesquisa usando os mecanismos de busca como o Google.

Dentro da área de marketing digital existem opiniões divergentes sobre a natureza dos conteúdos duplicados.

Existem aqueles que acreditam que essa prática possa prejudicar a classificação de um site nos mecanismos de busca, mas existem aqueles que acreditam que o Google não se importa com os conteúdos duplicados.

Independente de qual for a teoria que você queira seguir, mantenha um conteúdo exclusivo em seu site. Os usuários nunca vão saber quem copiou de quem.

Links quebrados

Outra grande frustração é você entrar em uma página e aparecer o famoso “erro 404”.

Quando ele aparece significa que ocorreu um problema durante a comunicação com o servidor.

Se um usuário procurar por um conteúdo específico e aparecer esse erro, ele pode até tentar encontrar a informação em outro lugar. Mas isso é algo raro de acontecer.

Fique de olho em seu site. Você pode perder vendas por causa de um problema que pode ser rapidamente resolvido.

O que vai acontecer depois que os problemas da análise de SEO forem corrigidos?

Concluir uma análise de SEO e priorizar os itens mais importantes é trabalhoso, vai exigir muita dedicação para alcançar grandes performances digitais.

Não existem atalhos quando o assunto é aumentar o tráfego de um site de maneira orgânica. 

Você precisa ter paciência e prestar atenção nos pequenos detalhes para conseguir ver a diferença ao longo dos meses.

O incrível dessa jornada é ter a oportunidade de ver como a sua análise pode gerar mudanças significativas para o crescimento da sua presença digital.

Queremos que você saiba mais uma coisa: independente se os seus esforços começarem a gerar tráfego em seu site, você precisa fazer uma análise de SEO com frequência, pelo menos três vezes ao ano, no mínimo.

Tudo o que você quer é alcançar grandes performances usando a internet?

Então confira algumas estratégias de Marketing Digital que não podem faltar no seu negócio!

 

Gostou do nosso conteúdo sobre análise de SEO? Então não deixe de acompanhar todos os conteúdos que publicamos em nosso blog!

Não esqueça de seguir a High Sales em todas as redes sociais! Estamos no Facebook, no LinkedIn, no Instagram e no YouTube!

A missão das High Sales é difundir o empreendedorismo ajudando pessoas e negócios a performarem as vendas com marketing digital.

Transforme suas ideias em performance digital!

e aí, GOSTOU? COMPARTILHE!

vamos CONVERSAR?

Você tem uma ideia que precisa tirar do papel?