curso de vendas
Como anunciar no Google

Como Anunciar no Google

Blog   ·  Criado em 18/09/2019   ·   Atualizado em 18/03/2022   · ​ 60 minutos

Como anunciar no Google

Saber como anunciar no Google Ads é um passo importante para os negócios que querem investir em estratégias de marketing digital para impulsionar suas vendas e conquistar novos clientes. Principalmente para os negócios que estão começando e contam com pouco orçamento para investir em marketing.

É possível encontrar na internet uma variedade de materiais informativos que explicam como anunciar, como criar uma conta no Google e tantos outros tutoriais úteis para um negócio e profissionais de marketing. Agora, por exemplo, se você pesquisar pelo termo “como anunciar no Google Ads” vai encontrar quase 7 milhões de resultados. 

Isso mostra o quanto esse assunto é relevante para um negócio em processo de construção da sua própria identidade online e deseja vender para o público certo, sem enrolações.

Para facilitar sua jornada nessa grande aventura que é o marketing digital, criamos esse guia definitivo de como anunciar no Google Ads com dicas e passo a passo para transformar o seu negócio em uma verdadeira máquina de fechar novos negócios.

entenda anunciar no Google

Antes de continuar o conteúdo, o Google Ads era conhecido como Google AdWords. Porém, o Google passou por um processo de reformulação de marca e mudou seu nome por questões estratégicas. Com o novo nome, a empresa apresentou novos recursos para os anunciantes.

Por que anunciar no Google Ads?

Existem muitas maneiras de conquistar novos clientes usando a internet durante as 24 horas do dia. O Google Ads é uma das principais ferramentas para alcançar esse objetivo. Agora, como divulgar no Google Ads

O que diferencia o Google Ads de outras ferramentas de anúncios online são suas vantagens, peculiaridades e experiência. 

O Google Ads é a escolha certa para:

  • exponenciar suas vendas;
  • ser notado pelas pessoas certas;
  • alcançar um grande público com baixo investimento;
  • segmentar os anúncios;
  • pagar apenas quando alguém clicar em nos anúncios;
  • controlar todo o orçamento da campanha;
  • vender outras vezes para quem já comprou;
  • ir atrás dos visitantes que não concluíram a sua compra ou não fecharam negócio;
  • potencializar seu marketing digital.

Em poucas palavras, anunciar no Google Ads é tudo o que um pequeno, médio e até mesmo um grande negócio precisa para ganhar mercado e ser encontrado no momento exato que as pessoas precisam do seu produto ou serviço.

Os anúncios não alcançam grandes performances sozinhos. Além de criar campanhas criativos e que seduzem, outros elementos que vão garantir a venda ou a conversão do seu lead devem ser preparados.

Para um anúncio funcionar, não pode faltar:

  • uma oferta exclusiva;
  • segmentar seu público;
  • anúncios criativos (antes mesmo de criá-los no Google Ads);
  • uma landing page “seduzente” e matadora.

Todo empresário moderno precisa saber como divulgar no Google e nós vamos falar exatamente sobre isso. 

Como anunciar no Google Ads do jeito certo

Existem dois tipos de pessoas que querem aprender como divulgar no Google:

  • aquelas que se preparam antes de criar uma campanha e fazem a lição de casa e;
  • aquelas que criam uma campanha e “seja o que Deus quiser”.

Uma pessoa que se prepara antes de criar uma campanha no Google Ads sabe que a plataforma de anúncios não faz milagres e deve ser usada como mais uma ferramenta em uma estratégia de marketing digital. 

Já o segundo grupo de pessoas cria seus anúncios sem seguir uma estratégia para conquistar novos clientes. Eles querem que o anúncio faça todo o trabalho, porém, isso não vai funcionar ou gerar resultados positivos, apenas negativos.

Para anunciar no Google Ads do jeito certo é preciso trabalhar para converter o tráfego enviado para o seu site em leads qualificados. 

Além de uma ótima oferta, deve-se segmentar (aparecer) o público correto, criar os anúncios antes de publicá-los e ter uma landing page incrível para receber os visitantes, por isso contratar uma Consultoria Google Ads é a escolha certa para ser um sucesso de vendas.

Com o tempo você vai perceber o que funciona e adaptar novas ideias para alcançar grandes performances.

O que é uma oferta exclusiva

Uma oferta exclusiva não é acessível para todas as pessoas.

Ela é um fenômeno psicológico poderoso, mas são poucas as empresas que a usam com êxito.

O impacto da exclusividade começa com o princípio da escassez. 

Semelhante ao discurso da oferta e demanda, o princípio da escassez afirma que quanto mais raro ou inatingível é um produto/serviço, mais valioso ele se torna. 

Esse valor construído em volta do produto/serviço desperta no cliente um senso de curiosidade e urgência. E é isso que aumenta o desejo, quando as pessoas querem saber o que poderiam estar perdendo.

As pessoas querem participar de um grupo formado por pessoas sortudas, que compraram um produto ou contratarem um serviço incrível, para poucos.

A oferta exclusiva é o que diferencia um negócio do seu concorrente e fideliza clientes pelo valor que oferece e não pelo preço que pratica. 

O Wallace Castro, Diretor de Planejamento Comercial da High Sales, costuma dizer que clientes que vem por preço, vão embora por preço.

Promover uma oferta exclusiva, e que solucione o problema do cliente, é um excelente motivo para os clientes permanecerem pelo valor do serviço/produto e não por causa do preço mais baixo.

Lembre-se: um produto barato nem sempre é visto como algo de qualidade.

Segmente seu público

O Google Ads possibilita a segmentação de todas as campanhas de anúncio. Entretanto, antes que os anúncios sejam criados, o público precisa ser definido e segmentado para maior eficiência.

O público-alvo são as pessoas que devem ser impactadas pelos anúncios veiculados na rede de pesquisa ou rede de display do Google. 

Fuja da segmentação básica de “homem, entre 30 e 40 anos e empresário”. 

Crie um perfil detalhado de quem é o seu público e faça um levantamento do que ele faz, quem ele é, o que gosta, o que não gosta, quais suas dores (e o seu negócio pode ajudar), seus objetivos, hobbies e muito mais. 

Você deve criar um dossiê do seu cliente, criar a sua buyer persona.

A segmentação do seu público permite que você defina:

  • para quem os anúncios do Google vão aparecer;
  • como os anúncios serão criados;
  • quais os tipos de anúncios do Google serão criados;
  • a linguagem usada e até que ponto sua criatividade pode ir.

Com essas duas dicas você vai saber como anunciar no Google da maneira correta, mas ainda não acabou, acompanhe as demais dicas.

Crie anúncios criativos

criação de anúncios do Google Ads começa antes da publicação dentro da ferramenta.

Como você já criou uma oferta exclusiva, e já sabe quem quer atingir, fica mais fácil definir a linguagem e imagens que serão usadas. 

Esse é o momento de colocar a mão na massa e começar a parte divertida do processo.

O Google Ads permite que sejam criados anúncios nos formatos de texto, imagens e vídeos

Cada um dos formatos tem suas próprias especificações de como devem ser elaborados. Os profissionais especializados em Google Ads vão te ajudar durante essa etapa do processo.

Apesar dessas diferenças, todos eles devem ter:

  • um título matador;
  • uma descrição que resume o produto/serviço e que convença o usuário a clicar no anúncio;
  • uma url da página que os usuários serão direcionados (no caso do texto).

Os anúncios de texto ainda são populares na plataforma do Google e podem ser criados sem depender de terceiros, uma vez que todos seguem o mesmo padrão.

Os títulos precisam chamar a atenção para os benefícios, ofertas, o que realmente você irá resolver para o seu cliente, e ele são divididos em:

  • Título 1 – até 30 caracteres;
  • Título 2 – até 30 caracteres;
  • Título 3 – até 30 caracteres;
  • ... vai até o Título 15 – até 30 caracteres.

Lembrando que para um excelente anúncio responsivo de pesquisa, você deve preencher 15 títulos e 4 descrições.

Os próximos dois espaços são reservados para a descrição do anúncio. Devem ser usados para chamar a atenção do seu alvo e detalhar sua oferta e benefícios para o seu cliente:

  • Descrição 1 – até 90 caracteres
  • Descrição 2 – até 90 caracteres
  • Descrição 3 – até 90 caracteres
  • Descrição 4 – até 90 caracteres

A palavra-chave escolhida pela sua equipe de marketing deve ser usada no título e descrição para conquistar mais cliques.

Por fim, os últimos dois espaços devem ser preenchidos com o URL de exibição, e é mais uma chance de chamar a atenção do seu cliente.

  • Caminho 1 – até 15 caracteres
  • Caminho 2 – até 15 caracteres

Com essas informações, é possível criar seu próprio anúncio de texto para anunciar no Google

Não se preocupe com a quantidade de caracteres, a ferramenta vai apontar caso o limite seja ultrapassado. 

Obs.: corrija todos os seus anúncios para não perder credibilidade.

Use toda a criatividade possível e lembre-se que os anúncios são feitos para os seus clientes e não para você. 

Obs.: Você não precisa incluir nos anúncios informações como localização, número de telefone ou links adicionais. Use extensões de anúncio para isso.

Crie uma landing page matadora

Uma landing page faz parte de um site. Ela é a página de destino de um anúncio específico. 

Por exemplo, digamos que você vai criar uma campanha de anúncios para vender um leite orgânico. Ao invés do seu anúncio mandar as pessoas para a página inicial da empresa, deve enviá-las para a landing page que vende o leite orgânico. A mesma coisa deve acontecer com os serviços.

Isso é uma exigência do próprio Google, não algo que nós consideramos certo.

Sua landing page é o seu vendedor online. Seu conteúdo deve ser rico em informações, o layout deve ser agradável e deve conter um formulário para que os visitantes cadastrem suas informações se tornem leads.

Resumindo, uma landing page de alta performance precisa:

  • pegar os dados dos possíveis clientes para você poder ligar e converter;
  • fazer a inscrição para os cursos ou fazer a compra de um produto;
  • vender o produto/serviço;
  • receber ligações diretamente para você;
  • incentivar as pessoas a irem até sua loja offline, restaurante ou algo do gênero, caso tenha.

Landing Page

Temos um conteúdo completo sobre como criar uma landing page incrível em nosso blog.

Tudo o que uma landing page deve oferecer é uma incrível experiência ao usuário. Para isso, devem conter:

1. Criar um conteúdo exclusivo, útil e original;

2. Promover transparência gerar confiança;

3. Ter um layout responsivo e otimizado;

4. Ter um carregamento rápido;

5. Tenha foco nas palavras-chave.

Para facilitar um pouco, você pode conferir um checklist de tudo o que você precisa para começar a anunciar no Google ADS

Como anunciar no Google com performance

Com esses elementos em ordem você pode abrir a ferramenta do Google ADS, fazer o seu login e começar a anunciar no Google.

Dica para anunciar no Google e ter performance: utilize a ferramenta Google Optimize que é gratuita e do próprio Google, para testar suas landing pages e descobrir o que mais traz performance para suas vendas.

Você precisa saber que o Google Analytics é uma ótima opção para monitorar o marketing de entrada na sua LP, independente se for sua primeira campanha utilizando os links patrocinados no site do Google.

6 maneiras de anunciar no Google

Fique agora com 6 maneiras de anunciar no Google, isso te ajudará a compreender todo o potencial da ferramenta do Google ADS, uma das ferramentas usadas pela agência de marketing digital High Sales para conquistar grandes resultados digitais.

Saiba como divulgar no Google do jeito certo.

Rede de Pesquisa

A mais conhecida de todos é a rede pesquisa, quando um usuário faz uma busca no Google e aparece para ele os resultados pagos e orgânicos, acompanhe:

Anunciar no Google ADS - rede de pesquisa

Acreditamos que a rede de pesquisa é uma aliada para conquistar a maior fonte de vendas para qualquer negócio.

Você poderá divulgar no Google nesta opção fazendo os seguintes tipos de anúncios no Google:

  • Anúncio de texto;
  • Anúncio responsivo de pesquisa (se adapta automaticamente e exibe mensagens relevantes aos usuários);
  • Anúncio só para chamadas.

dica: Busque a melhor palavra-chave, isso pode ser um grande trunfo para o seu marketing digital e anúncios no Google. 

Parceiros do Google

Anuncie no Google e em seus websites parceiros, que somam mais de 90% dos websites da Internet, para alcançar um número maior de pessoas. 

Aproveite para seguir os clientes que entraram em seu website e não compraram para divulgar seu negócio enquanto navegam em outros sites. Essa prática é chamada de remarketing.

Outra possibilidade é aproveitar os parceiros do Google para distribuir conteúdos ricos, para deixar sua marca ainda mais conhecida. 

Fica a dica!

Para isso, use a estratégia de anúncios responsivo de display.

YouTube - Rede de Vídeos

Estamos na era dos vídeos, o que torna o YouTube uma ferramenta indispensável para a geração de negócios com o TVFA - TrueView for Action, e distribuição de conteúdos ricos como dicas, novos produtos, avisos, aulas e assim por diante. Também é uma boa opção para seguir os clientes que visitaram seu website com a realização de remarketing.

Você pode estar se perguntando quanto custa anunciar no YouTube? Isso irá variar muito, mas vamos dar algumas dicas importantes, acompanhe:

Imagine que você quer anunciar no Google utilizando o YouTube para avisar que a sua aula é hoje, mas quer fazer isso somente para a lista de pessoas que se inscreveram para o seu evento! 

Se você quiser que os inscritos em sua aula façam uma ação (como clicar no vídeo para acompanhar a aula), o TrueView for Action é a estratégia certa para usar. Ou caso queira apenas distribuir o vídeo para o máximo de pessoas possíveis, a opção certa seria o de CPM (custo por impressão) ou CPV (custo por visualização).

Se a sua intenção é atrair as pessoas para assistir sua aula AO VIVO, vale a pena fazer uma campanha sem meta e personalizar com lance em CPM ou CPV. 

Outra opção é utilizar a meta de alcance e usar o CPM para alcançar o máximo de pessoas possíveis. 

Para direcionar os espectadores do vídeo para outro site, a melhor opção é o CPA (custo por aquisição), porém, o valor cobrado será mais alto.

Importante:

  • defina número de impressões e visualizações diárias, assim o seu orçamento diário será aproveitado da melhor forma possível;
  • cada vez mais o ideal é ir ajustando suas campanhas de acordo com os primeiros resultados.

Tenha em mente que não tem um único jeito certo de anunciar no Google. O que funciona para nós, pode não funcionar para você. Por isso é importante otimizar as campanhas para o seu negócio, de acordo com as suas necessidades e seu público.

Portanto, é impossível ter uma única resposta para a pergunta de quanto custa anunciar no YouTube.

Quer aprender a divulgar seu negócio no Google usando anúncios em formato de vídeo? Confira o passo a passo de como anunciar no YouTube.

GMail

É possível anunciar para os usuários que usam a plataforma do Google Gmail. Semelhante às opções de anúncio anteriores, é possível impactar as pessoas que visitaram o seu site (remarketing) e distribuir conteúdos ricos exclusivos para eles.

Não recomendamos usar o GMail para gerar leads ou fazer vendas diretamente.

Para anunciar no Gmail, escolha a opção de anúncios para a Rede de Display.

Discovery

Uma das últimas estratégias do Google são as campanhas de Discovery, uma plataforma que compartilha conteúdos sob medida para os usuários e o lugar perfeito para anúncios visualmente atraentes.

Ao oferecer uma série de recursos de segmentação de público-alvo para personalização mais segmentada, essa plataforma é uma aposta para oferecer uma experiência diferente para os usuários e anunciantes.

Atualmente, é possível anunciar no Google usando uma única imagem ou no formato de carrossel.

Leia mais: Aprenda mais sobre as campanhas Discovery.

Google Shopping

Se você tem um negócio de venda de produtos, saber como anunciar no Google Shopping fará toda a diferença para o seu negócio.

Crie anúncios no Google Shopping no modo especialista ou no modo SMART (super recomendamos para as campanhas do Google Shopping).

Para aumentar as vendas de uma loja recém-lançada, recomendamos um Marketplace com o Google Shopping para divulgar seus produtos. E como poderia fazer isso? Simples:

Selecione os 20 produtos mais populares em seu site, cadastre-os no Google Shopping, determine o orçamento e aguarde as vendas.

Entenda mais sobra a criação de loja virtual.

Comece a anunciar no Google Shopping agora mesmo!

Passo a passo de como anunciar no Google Ads

Agora que você sabe como Google Ads funciona, criou sua conta na ferramenta e se familiarizou com a interface, já pode começar a anunciar no Google.

Em seu painel inicial clique no Botão Campanhas, localizado na coluna à esquerda, e em seguida no botão “+”, em Nova Campanha.

Na próxima tela, escolha o seu objetivo de campanha:

- Vendas: aumentar as vendas online, por aplicativo, telefone ou na loja offline. Escolha ou crie uma meta de conversão, e depois um dos melhores Tipos de Campanhas:

  • Rede de Pesquisa (você pode utilizar os anúncios de texto com a possibilidade de alcançar clientes interessados no seu produto ou serviço, e claro isso poderá gerar mais vendas, esses anúncios serão exibidos perto dos resultados da pesquisa no Google.com.br, em sites de parceiros de pesquisa do Google e outros lugares)
  • Maior Desempenho (de uma forma SMART, você agora pode alcançar públicos em todo o Google de uma só vez. Se você tem menos experiência essa sem dúvida é uma ótima opção, ou então você poderá utilizar muito bem essa campanha para seu remarketing)
  • Rede de Display (você poderá exibir diferentes tipos de anúncio em websites da internet e aplicativos, muito utilizado em campanhas de remarketing, isso possibilita potencializar suas vendas e geração de leads)
  • Shopping (aumente a possibilidade de suas vendas online exibindo anúncios do Shopping, isso fica perto dos resultados na Pesquisa, no Imagens do Google, nos sites de parceiros de pesquisa e na Rede de Display, entre outros produtos)
  • Vídeo (aumenta as possibilidades de suas vendas, também muito utilizado em remarketing, com formatos de anúncio em vídeo, incentive seus leads a comprar seus produtos ou serviços, bem como fazer downloads e inscrições, e porque não encaminhá-los para sua loja física)
  • Discovery (Utilizando grande apelo visual no YouTube, no Gmail, no Discover, você pode utilizar essa campanha para gerar vendas e leads, bem como para sua estratégia de remarketing)

Após escolher o objetivo que se encaixa em sua estratégia de marketing digital para alcançar grandes performances e vender mais, confira a política de privacidade da plataforma para ter mais clareza do que é permitido ou proibido.

- Leads (antiga opção conhecida como: potenciais clientes): conquistar novos clientes e convertê-los. Tipos de Campanha:

  • Rede de Pesquisa;
  • Maior desempenho;
  • Rede de Display;
  • Shopping;
  • Vídeo;
  • Discovery.

- Tráfego do site: levar tráfego pago para dentro do site. Tipos de Campanha:

  • Rede de Pesquisa;
  • Maior desempenho;
  • Rede de Display;
  • Shopping;
  • Vídeo;
  • Discovery.

- Consideração de produto e marca (antiga opção conhecida como: Ponderação do produto e da marca): apresentar seus produtos e serviços para os clientes. Tipos de Campanha:

  • Vídeo.

Essa ainda tem um subtipo de campanha, dividida em Influenciar a consideração, ou você poderá contar uma história com uma Sequência de anúncios

Confira na opção acima denominada Vendas, a descrição de cada campanha.

- Alcance e reconhecimento da marca (antiga opção conhecida como: Alcance e autoridades da marca): alcançar um grande público e divulgar sua marca. Tipos de Campanha:

  • Rede de Display;
  • Vídeo.

O descritivo das campanhas está descrito na primeira opção Vendas.

- Promoção de app: apresentar seu aplicativo para novos usuários e os incentivar a baixar. Tipos de Campanha:

  • App (Impulsionar a promoção do app (aplicativo) com uma campanha automática que exibe anúncios nas redes de pesquisa e Display, no Google Play, em outros aplicativos e no YouTube).

- Visitas a lojas locais e promoções: se você tem um negócio físico e deseja trazer pessoas para ele, essa é uma bela opção. Tipos de Campanha:

  • Maior desempenho;
  • Local (especifico para atrair pessoas para seu negócio físico).

- Criar uma campanha sem meta: crie a campanha perfeita para o seu negócio sem o passo a passo do Google. Tipos de Campanha:

  • Rede de Pesquisa;
  • Maior desempenho;
  • Rede de Display;
  • Shopping;
  • Vídeo;
  • App;
  • SMART;
  • Local;
  • Discovery.

Busque a descrição nas campanhas do tipo Vendas, bem como Promoção de app.

Em nosso exemplo vamos selecionar o tipo de campanha Leads.

como divulgar no Google - primeira tela

E logo em seguida, defina qual o tipo de campanha que deseja:

- Rede de Pesquisa: Gere mais vendas com anúncios de texto ou de chamada durante as pesquisas no Google ou em sites parceiros do Google;

- Rede de Display: Gere mais vendas usando anúncios visuais enquanto os usuários navegam na internet, YouTube e em sites parceiros o Google;

- Shopping: Aumente suas vendas ao divulgar seus produtos;

- Vídeo: Alcance e interaja com os usuários enquanto eles assistem aos vídeos no YouTube;

- Smart: Venda mais usando anúncios automáticos no Google e na internet;

- Discovery: Gere leads com anúncios personalizados e com grande apelo visual no YouTube, no Gmail, no Discover e parceiros do Google.

Em nosso exemplo usamos o tipo de Pesquisa.

como divulgar no Google - segunda tela

Na próxima tela você deve selecionar o que você espera com os seus anúncios:

- Visitas ao site: adicione a URL do seu site;

- Ligações telefônicas: adicione o número do seu telefone e não esqueça de mudar o país para “Brasil”;

- Visitas à loja: adicione o endereço da sua loja física nas próximas etapas;

- Downloads do aplicativo: quais sistemas para telefone você quer atingir. Você deve criar uma campanha para IOS e uma campanha para Android para que o anúncio mande o usuário para o download correto. Você deve preencher o nome do aplicativo e selecionar a opção certa;

Envio de formulários de lead: para quem ainda não tem website, poderá utilizar essa opção para capturar leads, isso através de um formulário de lead do Google. 

Você pode optar por todas ou apenas uma opção.

como divulgar no Google - tela 3

Lembrando que é muito importante incluir a tag do Google em seu site para um melhor aproveitamento e monitoramento dos anúncios.

Se você tiver dúvidas nessa etapa, fale com a equipe responsável pelo seu site para conseguir ajuda. Ou se preferir veja nosso artigo sobre Google Tag Manager e tente você mesmo.

etiqueta de acompanhamento para Anunciar no Google

Agora, você deve escolher um nome para a sua campanha de anúncios. 

Indicamos que seja definido um padrão de nomeação das campanhas para manter o seu dashboard organizado e seja fácil diferenciar cada uma campanha de anúncio da outra.

Lá na frente, depois de criar várias campanhas, você vai entender do que estamos falando.

Dica 1: Indicamos deixar apenas a Rede de Pesquisa selecionada para que os anúncios apareçam apenas durante as pesquisas e não enquanto as pessoas estiverem navegando na web. Pelo menos nesse caso em específico.

configurações gerais como anunciar no Google

Na segmentação de campanha, mantenha a opção Brasil selecionada caso queira criar uma campanha de nível nacional ou, clique em “Introduzir outra localização” para selecionar uma área, estado, cidade ou até mesmo uma rua.

Dica 2: Na opção de Idiomas selecione o inglês, português e até mesmo espanhol. O motivo é simples, o idioma não se refere ao idioma do seu anúncio, mas ao idioma do navegador e dispositivo dos usuários.

Um de nossos Highers, por exemplo, mora em Curitiba e o idioma que ela usa em seu dispositivo móvel é o coreano, pois está aprendendo o idioma.

No smarphone dela, os anúncios não vão aparecer pois o idioma “coreano” não foi selecionado no grupo de idiomas, mesmo ela morando na região selecionada e se encaixando no público-alvo. Mas caso outros usuários usem em seu sistema inglês, espanhol ou o português (os idiomas mais comuns), eles serão impactados. 

Seus anúncios aparecerão em inglês, somente se você os publicar em inglês. 

A opção idiomas é para limitar os dispositivos que devem visualizar os anúncios na região definida.

Conseguiu entender? Se precisar, contrate a consultoria Google Ads de especialistas para criar suas campanhas de anúncio no Google.

Se na região selecionada tiver um grande grupo de imigrantes, não esqueça de incluir seu idioma na lista. 

Obs.: ao selecionar outros idiomas além do português, seus anúncios não vão aparecer para o mundo ou países que falam aquele idioma. Os anúncios vão se limitar ao endereço segmentado.

Na tela de público-alvo, é possível selecionar um grupo já segmentado no Gestor de públicos-alvo

públicos-alvo para anunciar no Google

Caso contrário não tenha criado um grupo de público-alvo, pode pular essa parte.

Na tela de orçamento, defina o valor que deve ser gasto por dia.

Dica 3: Indicamos selecionar a opção Definir um custo por ação desejado. Isso permite definir o valor máximo que você está disposto a pagar por um lance. Os valores podem ser altos ou baixos, isso você vai analisar quando a campanha estiver no ar. 

Aprenda a calcular o CPA nossa videoaula sobre o tema.

orçamento e lance para anunciar no Google

Se você for um usuário avançado, ou deseja ainda mais otimização para divulgar no Google, pode selecionar a opção: Mostrar mais configurações. Essa opção te permite ajustar quais conversões você deseja que apareça na coluna "Conversão" e ainda definir como será a Rotação de anúncios. Modifique essas opções somente se tiver conhecimentos avançados.

Mais abaixo, recomendamos que você inclua as Extensões de anúncio, segundo o Google existem alguns estudos que isso pode aumentar em 15% a taxa de cliques nos seus anúncios. Bom né?

Com as definições básicas preenchidas, chegou a hora cadastrar os conteúdos dos anúncios.

segunda etapa de como anunciar no Google começa com a configuração dos grupos de anúncio.

A primeira etapa foi para configurar a campanha como um todo e você pode criar vários grupos de anúncios para produtos e serviços diferentes. 

Comece nomeando o seu grupo de anúncio. E não esqueça de criar um padrão logo no início para a organização do seu dashboard.

configurar grupo de anúncios para anunciar no Google

Em seguida, inclua as palavras-chave escolhidas para a sua campanha.

Como você já criou suas campanhas anteriormente, essa etapa é bem rápida. Basta cadastrar o conteúdo.

Anunciar no Google com criativos ricos

No final, basta clicar em Concluído, criar anúncio para você cadastrar novos anúncios ou clicar em Guardar e continuar para finalizar a sua campanha.

Para que os anúncios comecem a rodar, é preciso injetar dinheiro. 

Clique em Ferramentas e Definições no topo da tela e depois em Resumo de faturação

Preencha todas as informações, gere o boleto ou inclua seu cartão de crédito e pronto! Sua campanha será enviada para a aprovação do Google e, caso seja aprovada, vai começar a rodar. 

É show anunciar no Google não é mesmo?!

Recomendamos ainda você fazer o seu cadastro no Google Meu Negócio, isso incrementará suas estratégias digitais. Pense nisso!

Use o modelo de conversão

Sempre que um objetivo na sua página (venda, assinatura de newsletter, preenchimento de formulário, visualização de vídeo, etc) é concluído, você tem uma conversão.

O principal objetivo de uma loja virtual é fazer uma venda, enquanto o de uma empresa é converter leads qualificados.

Um usuário pode trilhar diversos caminhos para chegar à conversão. O que torna difícil saber qual o momento certo em que a decisão de compra (ou de cadastro de um formulário, por exemplo) realmente acontece e por onde.

Levando isso em consideração, o Google criou uma forma de determinar como o crédito de conversão é distribuído, dependendo do caminho seguido pelo usuário até chegar à conversão.

A plataforma analisa toda a jornada de compra do consumidor, do primeiro contato até o objetivo desejado e cada etapa recebe uma “pontuação” por isso.

Os modelos de atribuição que existem no Google Ads são:

- último clique: opção que atribui todo o crédito pela conversão ao último anúncio que recebeu o clique do usuário e à palavra-chave correspondente a ele;

- primeiro clique: opção que atribui todo o crédito pela conversão ao primeiro anúncio que o usuário recebeu e à sua palavra-chave correspondente;

- linear: opção atribui todo o crédito pela conversão igualmente entre todas as interações do usuário com os anúncios;

- redução de tempo: opção atribui todo o crédito às interações que aconteceram próximo à conversão, uma interação que aconteceu oito dias antes da conversão recebe metade do crédito e a outra metade aconteceu no dia anterior à conversão;

- com base na posição: opção atribui 40% do crédito à primeira e à última interação com o anúncio e às palavras-chave correspondentes e os 20% restantes atribuídos às outras interações no caminho;

- baseada em dados: opção distribui o crédito de acordo com as informações anteriores da conversão. É diferente das outras opções, uma vez que usa os dados da sua conta para calcular a contribuição real de cada caminho de conversão.

Como criar anúncios de texto criativos no Google Ads?

Ao divulgar no Google usando a Rede de Pesquisa você pode ser encontrado no momento que as pessoas fazem suas pesquisas. Para criar anúncios de texto instigantes é preciso usar a(s) palavra(s)-chave, mas também dar atenção especial ao título, descrição, URL final e o caminho. 

Crie títulos incríveis

Já falamos antes, mas não custa lembrar: anunciar no Google não é mágica e sim conhecimento.

Não esqueça de incluir sua(s) palavra(s)-chave na primeira linha do título de forma natural e criativa para chamar a atenção de quem está pesquisando.

Seu anúncio conta com três linhas de títulos que serão separadas por um hífen no título. 

Despertar a curiosidade do seu usuário deve ser o seu propósito para se diferenciar da concorrência, por isso não sinta vergonha em “bisbilhotar” o que eles estão fazendo.

Desafie seus clientes, faça promessas (que você possa cumprir) e compartilhe informações relevantes (benefícios, promoções, transformações...). 

Crie uma boa descrição

Como o nome já diz, logo abaixo ao título você tem duas linhas de até 90 caracteres cada para desdobrar aquilo que você está vendendo.

Assim como o título, inclua a(s) sua(s) palavra(s)-chave na descrição!

As linhas serão automaticamente separadas por um ponto final (ou a pontuação que você escolher). 

No começo, 180 caracteres podem parecer pouco, mas você vai ver que é mais que suficiente para criar uma boa descrição do seu produto ou serviço de um jeito inteligente.

URL final

A URL final é o endereço do seu site, aquele que o usuário será direcionado depois que clicar em seu anúncio.

Envie o usuário exatamente para a landing page do produto/serviço que você está vendendo. Envie para a página inicial apenas em casos específicos como uma campanha de branding.

O robô do Google vai analisar a URL final e estudar se ela diz exatamente aquilo que você está anunciando. Mandar os usuários para outro lugar vai te fazer perder pontos e isso vai prejudicar o desempenho da sua campanha. 

Caminho

O “caminho” é o espaço para personalizar sua URL. Aqui você pode usar um endereço fictício e o deixar mais atraente. Essa é mais uma oportunidade de incluir a(s) sua(s) palavra(s)-chave.

Você pode incluir dois “caminhos” ou apenas um só.

Se você vende “leite orgânico”, deixe isso claro em todos os lugares possíveis.

No modo CPC (custo por clique), você paga apenas pelos cliques feitos no anúncio e essas informações ajudam a qualificar seus leads e a excluir aqueles que não se encaixam na sua proposta.

Como já falamos, você pode incluir extensões em seus anúncios e o deixar mais completo. Informações como endereço de sua empresa, aplicativos, número de telefone e tantas outras podem ser adicionadas separadamente.

Veja como criar anúncios de texto de alta performance no Google:

Aprenda ainda tudo sobre como divulgar no Google com anúncios de alta conversão.

O que não fazer na hora de anunciar no Google?

1. Não anuncie algo que você não tem ou não pode cumprir

Isso está fora de qualquer cogitação.

Optar por esse tipo de estratégia vai gerar frustração no usuário e você vai perder credibilidade. Ainda mais se você quer conquistar um público local para o seu negócio.

2. Não esqueça de atualizar o preço e condições de parcelamento

Se o seu foco é preço e não valor, não esqueça de revisar constantemente o preço da sua landing page.

Principalmente se o preço muda com frequência.

E se o preço é um grande atrativo dos seus anúncios, não esqueça de atualizá-los também. 

Consulte as Políticas do Google Ads para evitar bloqueios de anúncios e nunca infrinja nenhuma política da empresa. Você pode ser penalizado e isso pode prejudicar o seu negócio.

Existem conteúdos que são proibidos, práticas proibidas e conteúdos restritos. Leia atentamente antes de começar suas campanhas. 

3. Não seja generalista

Querer atingir todo o mundo é um grande erro, mapeie seu cliente desejado e faça a campanha para ele.

Ao anunciar no Google seja o mais específico possível, isso resultará no sucesso em vendas. Sem contar que você conseguirá ser mais econômico.

4. Não pare por aqui

Utilize outras estratégias do marketing digital como SEO, Google Meu Negócio, anúncios do Facebook, links patrocinados das redes sociais, outros sites de referência, site do Google, tudo é válido para a estratégia de marketing digital. Assim você terá um complemento e os primeiros resultados virão. 

Como o Google decide quais anúncios vai exibir?

O Google exibe os anúncios que seguem as suas políticas internas e possuem um bom índice de qualidade

Além disso, os anúncios são exibidos a partir das palavras-chave pesquisadas e que tiveram os maiores lances nos leilões.

Se uma pessoa procura por "leite orgânico" o sistema do Google ADS vai encontrar todos os anúncios relacionados a esse termo e segmentados para aquela região. Os melhores anúncios serão exibidos

A classificação dos anúncios é calculada a partir de uma combinação do valor do lance, da qualidade da página de destino, dos anúncios e do impacto esperado.

Por isso a posição de um anúncio pode variar todas as vezes que for exibido. Entenda mais sobre o índice de qualidade ao anunciar no Google.

Lembre-se que não existe uma relação entre o valor de investimento que você definiu e o fato do seu anúncio ser exibido ou não. Você pode pagar menos por uma palavra-chave e ter o seu anúncio publicado no topo da pesquisa. 

Não existe mínimo investimento para anunciar no Google. 

Saiba mais sobre quanto custa anunciar no Google Ads.

Posso anunciar no Google sozinho ou devo contratar uma equipe especializada?

Sim, você pode anunciar no Google sozinho, mas recomendamos que estude bastante porque o Google não faz "mágica".

Se você quiser economizar tempo e até mesmo dinheiro e para conquistar grandes performances e um bom ROI (Retorno sobre o Investimento), encontrar uma agência com profissionais certificados e especializada em Google Ads é uma ótima opção.

Anunciar no Google Ads exige o conhecimento de várias áreas dentro do marketing digital. A ferramenta do Google Ads te permite controlar cada detalhe da campanha para que ela se transforme em uma máquina de vendas

Você pode aprender a mexer em cada uma delas, mas isso vai exigir um tempo que o seu negócio pode não ter no momento.

A qualidade final dos anúncios e da estruturação da campanha vão fazer toda a diferença, acredite!

O que é preciso para anunciar no Google?

Segundo o próprio Google, para anunciar seu negócio no Google Ads você só precisa ter um site, uma vez que seus anúncios serão veiculados a ele.

Isso significa que para você divulgar seu trabalho no Google, precisa carpichar na criação de sites atraentes e profissionais sobre o seu negócio. 

Gostou do nosso conteúdo que explica como anunciar no Google ADS

O nosso passo a passo explicou como anunciar no Google Ads pela Rede de Pesquisa, mas a plataforma possibilita que você crie anúncios de vídeo e imagem para compartilhar pela Rede de Display e campanhas Discovery.

Acesse o nosso blog para conferir mais dicas sobre marketing digital e transforme o seu negócio em uma verdadeira máquina de fechar negócios!

Aproveite para seguir a High Sales nas redes sociais para conferir todas as novidades que saírem do forno, estamos no Instagram e também no YouTube!

 

 

e aí, GOSTOU? COMPARTILHE!

vamos CONVERSAR?

Você tem uma ideia que precisa tirar do papel?